AP: homem é preso com dossiê de candidata

Portal Terra

SÃO PAULO - O suposto cabo eleitoral Francisco de Assis Pilha foi preso com um dossiê sobre a candidata à prefeitura de Laranjal do Jarí, no Amapá, Meire Serrão. O documento de 28 páginas contém peças de processos do Ministério Público de quando ela era prefeita interina do município.

O material apreendido também apresentava cópias de cheque, relatório de combustíveis e ofícios encaminhados ao MP.

- O dossiê continha várias cópias que provavelmente seria entregue à noite - disse o juiz da 7ª zona eleitoral, Valcir Marvulle.

A Polícia Militar levou Pilha até o Cartório Eleitoral, onde foi interrogado informalmente pelo promotor de Justiça Eleitoral, Horácio Coutinho. Ele negou ser cabo eleitoral, porém, em seu carro havia adesivos de uma das candidata.