Thiago Pereira prefere não pensar em medalha

JB Online

MACAU - O nadador Thiago Pereira faz período de adaptação ao fuso horário da Ásia. O brasileiro, que chegou a Macau na última quinta-feira, tem feito treinos leves para soltar a musculatura, antes de treinar velocidade. Esperança brasileira nos Jogos Olímpicos, ele prefere não adiantar as braçadas.

- Meu maior sonho é ganhar uma medalha olímpica e estou treinando muito para isso. Se isso acontecer, vou me sentir o cara mais realizado do mundo. Mas prefiro não ficar pensando nisso agora, em ter a obrigação de ganhar medalha, afirmou.

Experiente por ter disputado a Olimpíada de Atenas, em 2004, Thiago Pereira fez questão de lembrar que, com 18 anos, era muito novo para disputar um evento daquele porte.

- Mas valeu como primeira experiência um quinto lugar, chegar à final olímpica foi fundamental. Hoje, com certeza, estou bem mais tranqüilo do que eu estava em 2004, completou.

Com seis índices olímpicos - 200m e 400m medley, 10mm e 200m costas, 200m livre e 200m peito -, ele priorizará as provas do medley mais o revezamento 4x200m livre. De acordo com o nadador, que embacará para Pequim no dia 4 de agosto, o desgaste seria enorme, caso disputasse todas, e muitas provas coincidiam no calendário.