Equipe chega a Macau e Cielo já pensa na água

JB Online

MACAU - A equipe brasileira de natação desembarcou nesta manhã de quinta-feira em Macau, território chinês, para um período de aclimatação e treinamentos antes dos Jogos Olímpicos de Pequim. Uma das grandes esperanças de medalha para o Brasil, César Cielo já quer cair na água para entrar no fuso horário local.

- Os primeiros dias são os mais importantes para acertar o fuso, tem que agüentar o sono até cair. Estou acordado faz tempo. Ficar na poltrona de classe econômica não é fácil. Eu queria dormir, mas acho melhor dar uma caída na água, comentou o nadador, que disputará as provas dos 50m livre e 100m livre em Pequim.

- Agora é ficar com a cabeça boa acima de tudo. Quem treinou, treinou. Quem não treinou, agora não tem mais tempo. É acertar o horário e ficar com a cabeça boa para Pequim, acrescentou.

A delegação do Brasil chegou via Hong Kong e foi de ferry boat direto do aeroporto para Macau. Eles estão hospedados no Grandview Hotel, que fica ao lado do local de treinos.

Os nadadores vão para a água agora, logo depois da viagem, para dormirem o mais tarde possível e entrar no fuso local. A ausência ficou por conta de Kaio Márcio e Lucas Salatta, que não desembarcaram com o restante dos companheiros.

Classificado no tiro esportivo, Julio Almeida, que disputará as provas dos 10m pistola de ar, 50m pistola livre e 25m tiro rápido, era o único de outra modalidade que chegou ao território chinês com a equipe de natação.