Publicidade na Olimpíada será supervisionada

Portal Terra

SÃO PAULO - As autoridades chinesas de Pequim fiscalizarão anúncios publicitários na cidade para evitar qualquer uso não autorizado dos logotipos olímpicos.

As equipes de inspeção estarão presentes nos aeroportos, estações ferroviárias, lugares próximos às locais olímpicos e outros lugares públicos a partir de 11 de julho para examinar se os anúncios contêm logotipos ou símbolos da Olimpíada sem autorização necessária, disse o funcionário do departamento de marketing do Comitê Organizador dos Jogos Olímpicos de Pequim (BOCOG, sigla em inglês), Chen Feng, citado domingo pelo jornal local Diário do Povo.

A campanha durará até 17 de setembro quando terminam os Jogos Paraolímpicos de Pequim 2008. Durante o período, o BOCOG também fiscalizará os meios de comunicação eletrônicos, assim como os anúncios na Internet.

Qualquer infração neste sentido conduzirá à imposição de multas ou sanções de acordo com regras de proteção dos direitos de propriedade intelectual relacionados com os Jogos Olímpicos, disse Chen.

Por outro lado, o BOCOG anunciou que só as bebidas da marca do patrocinador oficial da Olimpíada, Coca Cola, poderão ser vendidas nas sedes das competições esportivas durante os Jogos Olímpicos de Pequim, cuja abertura acontece no dia 8 de agosto.

Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade.
Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.
Saiba mais