Romário cortejado pelo Flamengo

JB Online

RIO - Romário deixou o Vasco por não concordar com a interferência do presidente Eurico Miranda na escalação da equipe, ao exigir Alan Kardec como titular contra o Friburgense. No entanto, o Baixinho deve ficar pouco tempo desempregado. O destino dele provavelmente será o Flamengo. Kleber Leite, vice-presidente do clube da Gávea, já deixou claro que quer contratar Romário.

- As portas do Flamengo estarão sempre abertas para um rubro-negro. Ainda mais para o Romário garantiu Kleber Leite, que nesta quinta-feira já deve iniciar entendimentos com o jogador de 42 anos para ele defender novamente o clube da Gávea.

Kleber Leite chegará ao Rio de Janeiro nesta quinta-feira e uma de suas primeiras providências deve ser a de ligar para Romário. O Baixinho é amigo há muitos anos do vice-presidente de futebol do Flamengo. Aliás, foi este dirigente que repatriou o então melhor jogador do mundo em janeiro de 1995, poucos meses depois dele ter sido o craque da Copa dos Estados Unidos, a da conquista do pentacampeonato mundial.

Na época, poucos acreditavam ser possível a contratação de Romário, que jogava pelo Barcelona, da Espanha, um dos clubes mais ricos do mundo. Mas Kleber Leite conseguiu reunir um pool de empresas e trouxe o Baixinho para a Gávea, no ano do centenário do Flamengo. O atacante estava no auge da carreira, próximo de completar 29 anos.

No Flamengo, Romário foi vice-campeão carioca, mas em 1996 conquistou o título invicto da mesma competição. Depois, o atacante teve dois episódios de idas e vindas para o clube, com rápidas passagens pelo Valência, da Espanha. Até que no final de 1999 deixou o Flamengo por decisão do presidente Edmundo dos Santos Silva, que alegou indisciplina do Baixinho.

Foi quando Eurico Miranda abriu as portas de São Januário. Agora, chegou a vez de Kleber Leite dar o troco, abrindo as portas da Gávea para o veterano atacante, que já foi chamado de 'Gênio da granbde área' por Cruyff, o ex-craque da seleção holandesa de futebol.