Fabricantes de macarrão querem alta dos preços

O mercado interno de macarrão instantâneo faz a segunda tentativa para aumentar os preços em Xangai, devido ao crescente custo da farinha. A medida acontece três meses depois que a organização que supervisiona os preços baniu a primeira tentativa e acusou o mercado de macarrão instantâneo de 'conspiração de preços'.

Os maiores fabricantes de macarrão instantâneo comunicaram os supermercados locais que vão aumentar os preços no próximo mês, pois o custo da farinha continua a crescer.

Os supermercado estão negociando com os fornecedores para estabelecer os detalhes e tentar compensar parte do aumento de macarrão instantâneo de acordo com a situação do mercado e expectativas dos consumidores.

Os três maiores fabricantes de macarrão - Ting Hsin International Group, Jin Mailang Beverage Co Ltd e Uni-President Enterprises Corp - se recusaram a divulgar informações sobre o aumento dos preços.

O preço da farinha no atacado saltou para 1,93 yuan por tonelada (US$ 261), 150 yuan mais alto que no começo de 2007.

O preço do macarrão instantâneo por todo país em julho foi considerada uma conspiração ilegal entre companhias e a associação das indústrias, a National Development and Reform Commission. Os produtores de macarrão instantâneo tiveram que retornar todos seus ganhos provenientes do aumento. Além disso, pagaram multas cinco vezes mais caras que os ganhos. Os que infringiram a lei seriamente terão suas operações suspensas e licensas revogadas.