Venezuela e Rússia assinam acordos

Os governos da Venezuela e da Rússia assinaram na sexta-feira (26) uma série de acordos energéticos, comerciais e financeiros, que alcançarão o valor de US$ 5 bilhões.

No ato, realizado no Palácio de Miraflores, o presidente Hugo Chávez concedeu ao vice-primeiro-ministro russo, Alexander Zhukov, a Ordem Francisco de Miranda.

Entre os convênios se destaca um para quantificar e certificar as reservas petrolíferas existentes em uma área da Faixa do Orinoco destinada a empresas russas e outro que dará início aos trabalhos para a criação de um "banco binacional" para "impulsionar projetos conjuntos", disse Chávez.

Uma delegação russa de empresários e autoridades chegou a Caracas para participar da IV Comissão Intergovernamental de Alto Nível (CIAN) entre Rússia e Venezuela, que começou no dia 24 de outubro.

Jorge Rodríguez, vice-presidente venezuelano, afirmou que estes acordos entre os dois países alcançarão o valor de US$ 5 bilhões, em lugar dos 8 bilhões estimados a princípio.

As informação são da AFP.