Governo chinês reconhece erro em brinquedos

O Governo chinês reconheceu hoje que houve erros na produção de brinquedos que a empresa Mattel retirou do mercado por excesso de chumbo na pintura. No entanto, também acusou o comprador de não ter controlado a qualidade dos lotes.

A Mattel, proprietária da marca de brinquedos Fisher-Price, retirou nas últimas semanas milhões de produtos fabricados na China, que tinha enviado a lojas de todo o mundo.

O Ministério de Comércio e a Administração Geral de Controle de Qualidade e Quarentena analisaram as unidades devolvidas e 14% continham excesso de chumbo devido a um erro na produção.

No ano passado, os brinquedos chineses atingiram volume de US$ 7 bilhões, 45% do total mundial do setor.