Injeções de recursos impulsionam altas na Ásia

As principais bolsas asiáticas abriram em alta nesta terça-feira, impulsionadas pelos bons resultados de Wall Street e pela decisão do Federal Reserve (Fed, o banco central norte-americano) de injetar recursos no mercado.

Ontem, o Fed aplicou US$ 3,5 bilhões no sistema financeiro. A medida deu fôlego ao mercado, minimizando os temores sobre a crise de crédito hipotecário nos EUA e promovendo fortes altas nas bolsas mundiais. Já nesta terça-feira, o Banco do Japão (BoJ, central) também injetou mais 800 bilhões de ienes (US$ 6,95 bilhões) no mercado, elevando a liquidez e acalmando os investidores.

Apesar da tranquilidade com a injeção de recursos, alguns mercados da Ásia registravam volatilidade. Há instantes, Tóquio avançava 1,33%, Seul subia 0,30%, Xangai aumentava 0,60% e Hong Kong crescia 2,87%. Por outro lado, em terreno negativo, Mumbai na Índia apresentava baixa de 0,43%.