Crise financeira é uma correção brutal, diz ministra da França

A ministra de Economia e Finanças da França, Christine Lagarde, afirmou hoje que a crise atual nos mercados financeiros "não é um crash", e sim "uma correção brutal", e pediu aos pequenos investidores que mantenham "a cabeça fria".

A atitude da ministra francesa para acalmar os mercados nesta sexta-feira foi também feita pelas autoridades monetárias da Ásia. Glenn Stevens, governador do Reserve Bank of Australia (RBA, banco central australiano), revelou hoje que os temores no mercado financeiro devem ser monitorados, já que podem afetar a economia do país.

No Japão, o Ministério das Finanças comunicou que observa atentamente o desempenho das bolsas, inclusive a forte valorização da moeda japonesa frente ao dólar. Já na Coréia do Sul, Malásia e Filipinas, as autoridades monetárias cogitaram possíveis intervenções nos mercados locais caso necessário, preocupadas com a cotação de suas moedas.