Tribeca começa 20ª edição com estreia mundial de ‘In The Heighs’

.

Foto: Macall Polay
Credit...Foto: Macall Polay

Com a estreia mundial de “In the Heights”, de Jon M. Chu, exibido nessa quarta feira (9), o Festival de Tribeca deu início à sua edição 2021, que irá até o próximo dia 20.

O filme é a adaptação para as telas do musical homônimo de Lin-Manuel Miranda. A história segue Usnavi (Anthony Ramos), proprietário de uma bodega próxima à estação do metrô, que economiza cada centavo de sua rotina diária, sonhando com uma vida melhor.

Na cerimônia de abertura estiveram presentes, entre outros, o diretor do filme Jon M. Chu, o dramaturgo Lin-Manuel Miranda, nomes famosos que integram o júri, como Sharon Stone, Helen Hunt e John Turturro, os fundadores do festival, Robert De Niro e Jane Rosenthal, e Cara Cusumano, diretora do evento.

A edição será realizada em formato híbrido com eventos virtuais e presenciais em locais ao ar livre nos distritos de Nova York.

Programação de Peso

A programação, com 66 títulos de 23 países e 56 estreias mundiais, traz uma variada seleção que inclui mostras de drama, documentários, spotlight, viewpoints, midnight e movies Plus.

Um dos títulos mais esperados é “No Sudden Move”, de Steven Soderbergh. Incluído posteriormente na programação, é um thriller ambientado na Detroit de 1954, estrelado por Don Cheadle e Benicio Del Toro.

Na mostra de drama americano, o destaque é “Catch the Fair One”, de Josef Kubota Wladyka, thriller produzido por Darren Aronofsky sobre uma boxeadora em busca de sua irmã desaparecida.

E na prestigiada mostra de documentários, dois filmes são aguardados com expectativa: “The Kids”, de Eddie Martin, remake do cultuado indie “Kids”, realizado em 1990, e “Like a Rolling Stone: The Life & Times of Ben Fong-Torres”, de Suzanne Kai, que mostra como o escritor e editor da “Rolling Stone” definiu o espírito cultural dos anos 60 e 70. O ótimo elenco inclui Cameron Crowe, Carlos Santana, Elton John, Steve Martin, Bob Weir e Quincy Jones.

Na mostra de drama internacional, um dos mais esperados é Roaring 20’s (Années 20), de Elisabeth Vogler (França) que, em uma única tomada ininterrupta dá aos espectadores a chance não apenas de viajar para Paris, mas de viver um dia lá durante a pandemia covid-19.

Na Movies Plus, uma das atrações é “Paper & Glue”, do artista plástico e grafiteiro francês JR, documentário com fotos murais em espaços que incluem a fronteira EUA-México, as ruas de Paris e as favelas do Rio de Janeiro.

Na programação estão ainda alguns filmes que participariam da edição 2020, que devido à pandemia foi cancelada. Entre eles, um dos mais aguardados é “Kubrick by Kubrick”, documentário de Grégory Monro, que percorre a filmografia de Stanley Kubrick, através de relatos do próprio feitos nas entrevistas ao jornalista e crítico Michel Ciment.

O Tribeca Film Festival foi fundado por De Niro e Rosenthal em 2001, como uma forma de levantar o astral da cidade após os ataques do World Trade Center.