Informe Ideias

-->Alvar o Costa e Silvaideiasjb.com.br-->Cenas e cenários secretos-->O li vr o -->Boris K osso y: fotógr afo -->f az um panor ama de sua pr o- dução entr e 1955 e 2008. Há um te xto de balanço do próprio au- tor , acompanhado de duas en- tr e vistas – r ealizadas por A u - gusto Massi e J ulia Bussius, a primeir a; e P aulo Cesar Boni, a segunda – e uma cr onolo gia ilus- tr ada. Na apr esentação , J or ge Coli comenta a f oto escolhida par a capa: “ A v elha passa dian- te das latas de lixo n uma rua de No v a Y o r k (...). No rigor da com- posição , uma lata malcolocada, oblíqua, em equilíbrio pr ecário fr agiliza o m undo”. O tema da ruptur a da fr on - teir a entr e r ealidade e ficção está no tr a balho de K osso y desde seu primeir o li vr o , -->Vi a- gem pelo fantástico -->, de 1971, no qual há o f ascínio por des - locamentos de sentido nas composições surr ealistas com manequins e per sonagens fic - tícios em cenários urbanos. “Cenas e cenários que v e - mos de r elance em nosso ca - minho guar dam seg r edos que jamais sa ber emos”, e xplica o f otóg r a fo.-->Alô, alô, editoras-->O critério da f aixa etária é meio sem sentido , m as lá v ai: um nú- mer o especial da r e vista -->Granta -->, lançado na semana passada, apr e- senta os 22 melhor es escritor es de língua espanhola menor es de 35 anos. Como er a de se esper ar , en- tr e os eleitos estão oito autor es da Ar gentina e sete da Espanha. O único tr aduzido no Br asil é o pe- ruano Santiago Roncagliolo (o r o - mance -->Abril vermelho -->, lançado em 2007 pela Alf aguar a).-->Alô, alô, editoras 2-->A coluna r ecomenda os nomes dos ar gentinos Oli v erio Coelho , Andrés Neuman, P atricio Pr on, Sa - manta Sc hw e blin e P ola Oloixar ac. Esta última já negociou com o Br a - sil os dir eitos da tr adução do r o - mance -->T eorías salv ages -->.-->Música em debate-->Nelson Motta, autor de -->V ale tu- do: O som e a fúria de T im M aia -->, a b r e o T oca-Li vr os na próxima ter- ça, às 19h30, no Oi Futur o de Ipa- nema. A entr ada é fr anca, com distribuição de senhas meia hor a antes. No dia seguinte, é a v ez de os jornalistas Hérica Marmo e Luiz André Alz er , autor es de -->Ti - tãs: A vida a té par ece uma festa -->.-->Chaui introduz-->Chega às li vr arias o aguar dado segundo v olume de -->Introdução à história da filosofia -->, série didática de Marilena Chuai. É a v ez de a bor dar as r efle xões no período helenístico (séculos 3 a.C. a 3 d.C.), apr esen - tando o pensamento de filósof os como Cícer o , Sêneca e Se xto Em - pírico . A obr a v em enriquecida por um glossário de termos g r egos e latinos, mapas e ilustr ações.-->Para inteligentes-->O númer o 50 da -->Insight inteli - gência -->apr esenta um dossiê sobr e a Ig r eja Católica, com te xtos de Lean - dr o Karnal, Renê Gar cia e Candido Mendes. A r e vista, editada por Ro - drigo de Almeida, ainda tr az um poema de Manoel Ricar do de Lima, “Felicidade”.-->Máximas médicas-->A editor a da Unifesp r euniu os -->Aforismos -->de Hipócr ates, o m é- dico g r ego que vi v eu nos séculos 5 e 4 a. C. e é consider ado o pai da medicina. Eis um de seus axio- mas: “Os ictéricos normalmente não têm flatulência”. Outr o: “Be- ber vinho pur o dissipa a f ome”.-->Haja bruxo-->J . K. Ro wling disse no pr o g r a - ma de Opr ah W infr e y que não está descartada a possibilidade de um oita v o v olume da série Har- r y P otter . O u mesmo um nono ou décimo . E pensar que o culpado de tudo f oi o namor ado português que lhe deu um pé...