Franquias vão gerar 15 mil empregos no Rio

-->Johnny dá golpe nos irmãos Saad-->Além de causar pr ejuíz o d e R$ 100 milhões a um g rupo empr e - sarial japonês que fez negócios com a TV Cidade, pertencente ao g rupo da Rede Bandeir a ntes, o e mpr e - sário J oão Car los Saad, vulgo J ohn - n y , teria lesado também os próprios irmãos, ao não r e speitar o testa - mento do patriar ca da f amília, mor - to em 1999. Ricar d o , Mar cia, Maria e Marisa Saad f or a m à J u stiça con - tr a J o hnn y .-->País, 7 e 8 e Editorial, 14-->Perspectiva dos megaeventos faz setor cr escer 10% até o fim deste ano-->Quem está à pr ocur a de em- pr ego no Rio de v e ficar de olho no setor de fr anquias. Já em cr es- cimento por conta dos megae v en- tos Copa do Mundo e Olimpíada, o segmento de v e ger ar 15 mil em- pr egos dir etos até o fim deste ano . Só entr e setembr o e dez em- br o de 2010, as fr anquias cr es- cerão 10% na cidade do Rio . Os dados são da consultoria Rizz o F r anc hise e mostr am uma corrida nacional às oportunidades dispo- nív eis no Rio . – Se os empr eendedor es sou- ber em fec har negócio e os shop- pings se estrutur ar em, o R io v ai cr escer m u ito – assegur a C amila P ac heco , da r ede Nutty Ba v arian, que está a brindo quatr o unidades na cidade. -->Economia, pág. 16-->Uma tar de no museu-->Os sem-teto do Par que do Flamengo desfr utam do ver de, da vista para o mar e da ausência da pr efeitura. Quando há evento no MAM, eles todos gentilmente se escondem. Rio, 10 e 11-->Vítor SilvaCom ótima atuação no primeir o tempo, V asco faz 2 a 0 no Botafogo, mas per mite r eação alvinegra, que, mesmo com um jogador a menos, chega ao empate com Loco Abr eu, cobrando pênalti, nos acréscimos. No Olímpico, Flamengo e Grêmio também ficaram no 2 a 2. -->Espor tes 20-->Álvar o River os-->Clássico-->T udo igual no Engenhão