'BBB 11': brincadeira obriga brothers a expor votos

RIO - A brincadeira desta segunda-feira não dava prêmios para os participantes, muito menos regalias dentro da casa. Pelo contrário: como o próprio Pedro Bial disse ao explicá-la, seu único propósito era causar ainda mais conflitos dentro do programa. "Cada um de vocês precisa retirar uma bolinha desse recipiente", afirmou o apresentador, "quem tirar a branca, revela em quem votou no último Paredão, e precisa explicar o porquê disso; quem pegar a preta, intima um outro participante a fazer o mesmo", concluiu.

O primeiro a retirar foi Daniel, que pegou a preta, e intimou Rodrigão a se confessar. O modelo confirmou seu voto em Paulinha, por questão de afinidades. Na sequência, Maria pegou a branca, e disse ter indicado Wesley por falta de outras opções. Jaqueline veio logo depois, e, com a bola preta em mãos, jogou a responsabilidade a Diogo, que revelou ter votado em Paulinha, por, segundo ele, "não ser tão pura como diz ser".

O clima começou a esquentar na vez de Talula, que retirou a bola preta e intimou Maurício a dizer quem indicou. O músico confessou ter votado nela mesma, cuja reação foi rir, visivelmente constrangida com a situação. Na sequência, Diana jogou à modelo a vez de fazer sua confissão, e ela, a exemplo de Maria e Jaque - cujo voto seria revelado mais tarde -, afirmou ter optado por Wesley, que, ao tirar a bolinha branca, confessou ter indicado Paulinha. A roraimense, por sua vez, revelou ter escolhido Rodrigão para a berlinda, mas não soube justificar o motivo.

 

O dia

Como não podia ser diferente, as últimas 24h na casa foram de repercussão do Paredão triplo que levou à berlinda Diogo, Paulinha e Janaína. Logo após a confirmação dos candidatos à eliminação, o baiano comentou com Maurício que não esperava ter sido indicado pelo líder Daniel, mas, confiante, afirmou não acreditar que "o Brasil irá desfazer a amizade de nós quatro", se referindo aos laços formados entre ele, o músico, Wesley e Rodrigão.

Paulinha foi a emparedada que, aparentemente, mais teve o seu psicológico afetado pela indicação. Ela se isolou dos outros moradores durante a maior parte das horas seguintes ao processo eliminatório e, quando Maria e Talula foram consolá-la, disse não acreditar em sua salvação na berlinda.

Já Janaína, emparedada desde a última quarta-feira (23), se mostrou tranquila em relação à sua situação. "Se for para ser, será. O vencedor deste programa já está escrito", afirmou diversas vezes, jogando ao destino a responsabilidade por sua sorte no BBB.