Depois dos royalties...

Candidato à presidência da Federação das Indústrias do Rio (Firjan), nas eleições de agosto, Ariovaldo Rocha, do Sindicato Nacional da Construção Naval (Sinaval), defende que o estado se prepare para o período “pós-royalties abundantes”.

Rocha lembra que negociou, para a construção naval, normas específicas, pois, até então, a aplicação de normas da construção civil gerava multas injustas para os estaleiros. Cita isso como exemplo para afirmar que cada segmento precisa de atenção especial.

"Há muito trabalho a ser feito em cada setor. Nova Friburgo e Petrópolis precisam de ajuda, e o setor têxtil necessita de desonerações para poder competir com a ameaça chinesa", diz.