Pedro Stephan retrata universo desconhecido de Copacabana

O Espaço Ernani Arte e Cultura abre a temporada de exposições fotográficas do “Festival Internacional FotoRio 2013”, no próximo dia 5 com "O Fantasma da Máquina", de Pedro Stephan.

Conhecido como documentarista que causou rebuliço com seus ensaios provocantes “Entre Amigos & Amores, os espaços gls do Rio” e “Luana, a Rainha da da Lapa”,Stephan entra no território dos sonhos, revelando a noite da cidade maravilhosa sob um outro prisma: imagens oníricas, surreais, enigmáticas, para além dos cartões postais e do marketing turístico. 

O ensaio, feito num cruzamento de ruas em Copacabana, foi realizado altas horas da madrugada, durante várias semanas, enquanto o lugar era frequentado por toda a sorte de fauna, flora e as máquinas.

Usando apenas um pincel, que tinge de negro uma parte da cena, Stephan criou um cenário onírico, onde as imagens se descolam do real. Ali toda a ação paralisada pela câmera se dá em camadas, sendo metáfora da aceleração absurda deste momento. “