Na terra de Oscar Niemeyer, as agruras de uma estudante de arquitetura

O arquiteto Chicô Gouvêa – dos mais renomados no Rio e no Brasil – ficou perplexo depois do diálogo que teve com uma promissora estagiária de seu escritório na Gávea, zona sul do Rio. A história começou quando Chicô perguntou à moça por que ela estava sem aulas na faculdade.

- Porque a Gama Filho está em greve, sem aulas e talvez feche.

- Vai fechar e você vai para qual faculdade ?

- Aí é que mora o problema, Chicô: a Santa Úrsula e a Bennett fecharam, a Estácio de Sá é muito fraca e a PUC custa mais de R$ 2 mil por mês

- E as do Estado ?

- Tem uma apenas e teria que fazer um novo vestibular . Acontece que já estou no 7º período...

Moral da história: a moça está indo super bem no escritório, mas continua sem saber como terminará seu curso. E o Chicô desabafa:

- Ouço o tempo todo a exaltaç?o ao governo, ao momento do Brasil, a discuss?o sobre os royalties , as Olimpíadas, bilh?o pra cá, bilh?o pra lá. No entanto, esta situaç?o da estudante bem mostra em que ponto está a Educação no Brasil. Será que dá pra termos esperança de um país mais ou menos legal?