Com que roupa?

A companhia aérea italiana Alitalia foi condenada a pagar uma indenização no valor de R$8 mil, por danos morais, para Christiana Niero que teve sua bagagem extraviada num vôo para Roma, onde passaria sua lua de mel e teria uma audiência com o Papa para receber uma benção pelo matrimônio.

A mala, que continha o vestido de noiva que usaria no encontro com o Sumo Pontíficie, só foi devolvida três dias depois, último dia de Christiana no país europeu.

A decisão foi do desembargador Marcelo Lima Buhatem, da 4ª Câmara Cível do Tribunal de Justiça da Capital.