Record: Edir Macedo favorece empresas ligadas a sua família 

Record faz dinheiro circular pela família Macedo

Quem trabalha na TV Record já está se acostumando. 

A direção da emissora tem trocado benefícios e funcionários por outros de empresas ligadas à família do bispo Edir Macedo. 

Tudo para o que o dinheiro só circule entre eles. Em dezembro, todos os 92 seguranças do complexo de estúdios RecNov, em Vargem Grande, foram terceirizados para a empresa de um sobrinho de Edir. Dois meses antes, foi a vez de todo o departamento de transportes: 25 motoristas foram dispensados para dar lugar aos da firma Pryslla, também de um bispo. 

Os carros foram vendidos e todos são agora alugados da Pryslla. O plano de saúde (Life Empresarial) também pertence a um membro da família Macedo, que negocia um terreno na zona norte do Rio para a construção de um hospital para os associados, para que a verba se concentre ainda mais entre os parentes.