Jornal do Brasil

País

Secretaria mantém posto de vacina contra sarampo na Avenida Paulista

Jornal do Brasil

A campanha de vacinação contra sarampo e poliomelite em São Paulo mantém hoje (26) um posto volante no Conjunto Nacional, na Avenida Paulista. A ação é uma parceria da Secretaria Municipal de Saúde de São Paulo com rotarys clubes da cidade. A vacinação será das 9h às 16h.

A meta do município é alcançar 95% do público-alvo – crianças entre 1 e menores de 5 anos – até o fim da campanha, que se encerra no dia 31 de agosto. As crianças com vacina em atraso ou com doses incompletas também serão vacinadas.

Ontem (25), mais de 22 mil vacinas foram aplicadas no dia D da campanha, quando todos as Unidades Básicas de Saúde (UBSs) ficaram abertas. Até o momento, a cobertura vacinal está em 66,3% para polio e 65,6% para tríplice viral (sarampo, caxumba e rubéola). Os números da secretaria são relativos ao levantamento até as 13h desse sábado.

Busca ativa

Para incentivar as famílias a buscarem a imunização, a secretaria está fazendo busca ativa. Equipes de saúde visitam pais e responsáveis para orientar sobre a importância da vacinação e indicando a UBS mais próxima da residência.

Além disso, alunos dos centros de educação infantil (CEI), das escolas municipais de educação infantil (Emei) públicas e também em creches e escolas de ensino infantil privadas também estão sendo vacinadas nesses locais.

As Unidades de Vigilância em Saúde (Uvis) fizeram um levantamento nas unidades de educação e solicitaram autorização dos pais e responsáveis para aderir à ação. Os responsáveis devem enviar a caderneta de vacinação para a aplicação das doses nesta próxima semana.

A secretaria de Saúde destaca que a ação é fundamental para reduzir o risco de reintrodução da poliomielite no Brasil assim como o de circulação de sarampo e rubéola na capital paulista.



Recomendadas para você