Jornal do Brasil

Internacional

Rebeldes sírio derrubam pontes na região de Idlib

Jornal do Brasil

Grupos rebeldes da província síria de Idlib (noroeste) destruíram duas pontes em uma zona próxima ao último grande reduto insurgente como forma de proteção no caso de uma ofensiva do regime.

As duas pontes, na província de Hama, vizinha de Idlib, ligavam os territórios insurgentes com as zonas governamentais, informou a ONG Observatório Sírio dos Direitos Humanos (OSDH).

Facções islamitas da Frente Nacional de Libertação (FNL), a principal coalizão rebelde de Idlib, "explodiram na quinta-feira à noite as duas pontes, localizadas na área de Sahl al-Ghab de Hama", afirmou o diretor do OSDH, Rami Abdel Rahman.

"Eram as duas principais pontes da zona, mas ainda existem outras duas", disse.

De acordo com analistas, os territórios rebeldes de Sahl al-Ghab, entre as províncias de Hama e Idlib, poderiam ser um dos objetivos da eventual ofensiva do regime sírio e sua aliada Rússia.

O regime de Bashar al-Assad reúne, há algumas semanas, reforços nos arredores de Idlib, perto da fronteira com a Turquia, sobretudo perto de Sahl al-Ghab.

"Os rebeldes observaram uma atividade intensa do lado do regime, com a chegada de tanques e blindados à região", destacou Abdel Rahman.

"Os grupos rebeldes fortalecem suas posições em previsão a uma operação militar", completou.

Nos últimos dias, o regime sírio e Moscou elevaram o tom a respeito de Idlib, uma província dominada pela organização extremista Hayat Tahrir al Sham, criada pelo ex-braço sírio da Al-Qaeda.

tgg/mer/sgf/me/fp



Recomendadas para você