Jornal do Brasil

Esportes

A primeira vez sem Igor Rabello

Jornal do Brasil

Já são 43 partidas na temporada e em todas um nome estava em todas as escalações: Igor Rabello. Amanhã, pela primeira vez na temporada, o Botafogo entrará em campo sem o seu quarto zagueiro. E logo contra o Grêmio, em Porto Alegre. Suspenso pelo terceiro cartão amarelo, o jogador está fora da partida.


O técnico Zé Ricardo, que comandará o Botafogo pela sexta fez diante do Grêmio, sabe que Igor Rabello é um dos seus principais jogadores. Tem liderança sobre os companheiros e tem na regularidade sua maior arma. Mesmo assim, o treinador não está preocupado com a ausência do zagueiro. Ou pelo menos tenta demonstrar isso. “Muito provavelmente joga o Yago. O que não muda é a tranquilidade de quem vai entrar no lugar do Igor Rabello. Tem a confiança de todos”, afirma Zé Ricardo.


A maior preocupação do treinador alvinegro é mesmo com o adversário. Considerado por muitos a melhor equipe do Brasil, o Grêmio tem ótimo aproveitamento em sua Arena. Encontrar um jeito de neutralizar o toque de bola do time gaúcho é a prioridade de Zé Ricardo. “O Grêmio é um time extremamente experiente, acostumado a jogar de forma repetida e sempre com jogos difíceis. Independentemente de quem vai jogar, será muito difícil. O Grêmio dificilmente perde pontos em casa”, explicou Zé Ricardo, lembrando que o time reserva do Grêmio passou por cima do time misto do Flamengo.


O goleiro Saulo, que com lesão muscular na coxa não enfrentou o Sport, ainda tem chance de se recuperar. Se continuar vetado, Diego, que teve boa atuação diante dos pernambucanos, será mantido.



Tags: futebol

Recomendadas para você