Jornal do Brasil

Quinta-feira, 23 de Outubro de 2014

Sol maior

Agenda: canto, ópera, videoconcerto e orquestras em cartaz

Maria Luiza Nobre

Semana dedicada ao canto, ópera em exibição, videoconcerto, música de câmara e orquestras no palco. Quer saber mais?  Sol maior informa tudo e com muita música clássica com a tradicional clicada na foto. 

SALOMÉ – Os 150 anos de nascimento do compositor alemão Richard Strauss serão comemorados no palco do Theatro Municipal do Rio de Janeiro com a montagem inédita de André Heller-Lopes, da ópera Salomé. Sucesso em todo mundo,por ser uma das óperas mais encenadas,essa obra-prima estará em cena a partir do dia 22 de agosto até o dia 29,com cinco récitas,após uma ausência de 16 anos de um dos palcos do mais tradicionais do país. A obra foi estreada no Brasil em 1910,exatamente no Theatro Municipal do Rio de Janeiro,apenas cinco anos após a estréia mundial em Dresden,na Alemanha. O diretor cênico e também autor dos cenários,André Heller-Lopes, traduz que  “A montagem foi criada em torno da Eliane, que é uma cantora-fetiche de muitos diretores de ópera, como eu. É uma homenagem a ela, que está cantando pela última vez este papel que interpretou centenas de vezes pelas mais renomadas casas de ópera do mundo”, destaca Heller. Para esta montagem, o diretor procurou entender e humanizar a personagem central: “Ela é uma adolescente descobrindo o desejo sexual, é instintiva, não uma ninfomaníaca”, acredita. O número três, recorrente em diversas passagens da ópera, se materializa na forma de um triângulo, figura central da cena: “Criei cenários a partir dos símbolos mais fortes da ópera, emoldurando o talento das duas Salomés, com centenas de lâmpadas árabes, metros e metros de véus e uma verdadeira bandeja de prata como piso. Queria uma atmosfera exótica, de um oriente noturno e obsessivo, como imaginado por Oscar Wilde”, detalha. O próprio Heller já assinou cenários em várias cidades como Montevidéu,Buenos Aires,Manaus,Lisboa e Salzburg,mas é sua primeira vez no Theatro Municipal do Rio de Janeiro. A solista convidada,a soprano Eliane Coelho dará vida ao papel título e se revezará com a soprano italiana Cristina Baggio. No elenco o tenor irlandês Paulo McNamara como Herodes, o baixo-barítono Licio Bruno como Jochanaan, a mezzo-soprano CarolinaFaria como Herodiades e o tenor Ivan Jorgensen como Narraboth.

A direção musical será do maestro Silvio Viegas que regerá a  Orquestra Sinfônica do TMRJ.

Também será realizada mais uma edição do projeto Falando de Ópera com palestra grátis com uma hora de duração, uma conversa sobre a obra que será apresentada, que terá início uma hora e meia antes da exibição no Salão Assyrio. O regente titular do conjunto,maestro Silvio Viegas falará sobre Salomé e sua história.

A coluna dá mais detalhes sobre o espetáculo: 

SALOMÉ

Música - Richard Strauss

Libreto - Hedwig Lachmann

Direção cênica e cenografia - André Heller-Lopes

Assistentes de direção -Menelick de Carvalho e Caetano Pimentel

Iluminação - Fabio Retti

Figurinos - Marcelo Marques

Regência -Silvio Viegas 

Dias 23 e 29 de agosto às 20h -  Eliane Coelho como Salomé

Dias 22 e 27 de agosto às 20h - Cristina Baggio como Salomé 

Dia 27 de agosto às 17h – Cristina Baggio como Salomé 

Todas as informações: 2332-9191 

BANDA – A Banda Sinfônica do Exército é um conjunto orquestral sediado em São Paulo e para alegria de seus admiradores fará um concerto em homenagem ao Dia do Soldado no próximo dia 24 de agosto às 11h,no Theatro Municipal do Rio de Janeiro no Projeto Domingo no Municipal. No programa a Marcha do Toreador de George Bizet, a Bela do Baile de Leroy Anderson, O Cisne de Camille Saint-Saëns, Tico-Tico No Fubá de Zequinha de Abreu, Brasileirinho de Waldir Azevedo e A Máscara do Zorro de James Horner. A regência serádo maestro Benito Juarez,diretor artístico e regente titular do conjunto e o concerto terá a participação do Quinteto de Sopros da BSE e do Grupo de Percussão da BSE. Os ingressos terão preços populares de apenas R$1,00  e somente serão vendidos no dia do concerto,a partir das 10h,diretamente na entrada principal do Theatro Municipal. Outra informação importante é que não é permitida a entrada de pessoas usando bermuda,short,top,camiseta sem manga e chinelos,exceto crianças até 10 anos. Para qualquer informação basta ligar para 2332-9191. 

300 ANOS -  A Orquestra Sinfônica Brasileira comemora os 300 anos de nascimento de Gluck e de C.P.E.Bach,filho de J.S.Bach, com um concerto dia 26 de agosto às 21h na Sala de Música de Câmara da Cidade das Artes. No programa em homenagem aos dois compositores alemães serão executadas a Abertura em ré maior,a Sinfonia em fá maior assim como  trechos da ópera Orfeo e Euridice de Gluck além da Sinfonia em Ré Maior de C.P.E. Bach e o Concerto nº2 para Violino em Mi Maior de J.S.Bach. Os ingressos já estão à venda pelo site Ingresso Rápido e também na bilheteria da Cidade das Artes. Ingressos e informações: 4003-1212. 

VIDEOCONCERTO – Sábado dia 23 às 16h, é dia de videoconcerto no Planetário da Gávea,na Série Música Clássica nas Estrelas,no confortável Auditório do local. A apresentação tem a duração de duas horas com um pequeno intervalo,direção é de Nelson de Franco e o projeto é o resultado de uma parceria entre o Planetário,a AMAGAVEA com apoio da Associação dos Amigos do Jardim Botânico-AAJB e da Associação dos Moradores e dos Amigos do Jardim Botânico-AMAJB. Ingressos e informações: 2274-0046. 

HANÓI – Hoje é diade concerto em Hanói,onde o DUO Milewski faz um recital na Série Música no Museu,comemorando os 25 anos das relações diplomáticas entre o Brasil e o Vietnam. Sucesso garantido.

MÚSICA NO MUSEU – Agosto é o mês das cordas na Série Música no Museu apresentando hoje,às 12h30,no Real Gabinete Português de Leitura o violonista André Trindade dedilhando páginas de Bach e clássicos brasileiros. Dia 22,às 15h, na Biblioteca Parque recital do violonista Armildo Uzeda,executando obras de Visée,Weiss,Bach, Milano e C.P.E. Bach. Dia 23,às 17h,na Hebraica apresentação do Coral Nova Iguaçu Country Club com regência de Geraldo Leão e Gláucia Henriques e programa de clássicos brasileiros. Dia 24,às 11h30,no Museu de Arte Moderna,o MAM,recital da pianista Paula Garcia e no programa obras de L.Beethoven,S.Prokofiev e F.Chopin. Dia 25 às 18h na Casa de Cultura Laura Alvim, violonista Adriana Ballesté dedilhando obras dos clássicos brasileiros.Dia 26 às 18h,no Museu do Exército no Forte de Copacabana, concerto com a Orquestra de Violoncelos das Comunidades Pacificadas executando obras de W.A.Mozart, Michel Corrette, G.F.Haendel, E.Grieg, C.Saint-Saëns, Pixinguinha e E.Nazareth. Dia 27 às 12h30,no teatro SESI Firjan,concerto da Camerata Dias Gomes e no programa obras de J.S.Bach, W.A.Mozart, Alexandre Schubert,Guilherme Dias Gomes, Zequinha de Abreu e E.Nazareth. Todos os concertos são com entrada franca.

Dica da semana é o esplendor do Barroco na Música Purcell e Haendel

Tags: coluna, JB, maior, música, nobre, sol

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.