Jornal do Brasil

Terça-feira, 2 de Setembro de 2014

Sol maior

Maestro John Neschling anuncia a temporada lírica de2015

Maria Luiza Nobre

Ontem o maestro John Neschling anunciou em São Paulo a temporada lírica de 2015,uma raridade nos dias de hoje em que grandes teatros poderiam pelo menos tentar imitar o leque de intenções e de ações com que esse brilhante gestor, que é o maestro Neschling, carioca de nascimento, e acreditamos meio paulista e meio carioca de coração, realiza a temporada lírica do Theatro Municipal de São Paulo. Fizemos contato com o maestro que prontamente nos envio a programação assim como enviou seus pensamentos e convicções para a coluna,que informamos aos amantes da ópera, palavras de Neschling, “É possível no nosso País, mesmo com todas as dificuldades financeiras e burocráticas, programar um teatro de ópera como as grandes casas costumam fazer, especialmente quando se tem o apoio do público que, respondendo à qualidade sistemática do que apresentamos  no Palco de São Paulo, lota cada vez mais a nossa sala e tendo o apoio das autoridades que percebem a importância de possuir em São Paulo um teatro que concorra “pari passo” com as grandes casas líricas mundiais.” Com todo entusiasmo prossegue informando, “ Mais à frente, quando da abertura da venda de assinaturas, que esperamos possa acontecer em finais de outubro deste ano,  publicaremos todos os detalhes e todas as informações necessárias para que o nosso público conheça os pormenores da programação. Hoje nos limitaremos a divulgar os títulos, a equipe criadora e alguns dos principais artistas que se apresentarão no nosso palco, com a ressalva importante de que modificações eventualmente podem acontecer, sobretudo por razões de força maior, alheias à nossa vontade e controle.”

A coluna informa para os leitores todas as sete óperas programadas para quem desejar fazer a ponte aérea escutar o melhor do que se faz no país em realização lírica. 

1-Giuseppe Verdi

   Othello

 

   Direção Musical: John Neschling

   Direção Cênica: Giancarlo del Mônaco

 

   Cenários William Orlandi

 

   Gregory Kunde, Lana Kos, Alberto Gazale, Rodrigo Esteves,

   Sávio Sperandio entre outros                                                                                                                        

 

 

 

2- Osvaldo Golijov / Camargo Guarnieri

   Ainadamar / Um Homem Só

 

  Direcão Musical: Rodolfo Fischer

  Direcão Cênica: Caetano Villela

 

  Cenários: Nicolas Boni 

 

  Marisu Pavon, Alfredo Tejada Luigi Schiafino, Carla Cottini,

  Saulo Javan   entre outros           

3- Piotr I. Tchaikowky

    Eugen Onegin

 

    Direção Musical: Jacques Delacôte

    Direção Cênica, Cenários e Figurinos: Hugo de Ana

 

    Andrej Bondarenko, Ainhoa Arteta, Ana Lucia Benedetti,

    Lydia Schaeffer, Fernando Portari, Larissa Diatkova entre outros

 

 

 

4- Jules Massenet

    Thaïs

 

    Direcão Musical: Alain Guingal

    Direcão Cênica, Cenários e Figurinos: Stefano Poda

 

    Producão do Teatro Reggio de Torino

 

   Nino Machaidze, Jean François Borras, Lado Atanelli, Lina Mendes,  

   Saulo Javan entre outros

 

 

5- Giacomo Puccini

    Manon Lescaut 

 

   Direção Musical: John Neschling

   Direção Cênica: Cesare Lievi

 

   Cenários: Juan Guillermo Nova

 

   Maria José Siri, Adriane Queiroz, Martin Muehle, Marcelo Giordani,

   Vittorio Vitteli, Guilherme Rosa entre outros

 

 

6- Richard Wagner

    Lohengrin

 

    Direção Musical: John Neschling

    Direção Cênica: Henning Brockhaus

 

    Cenários: Erich Wonder

 

  Tomislav Muzek, Ricardo Tamura, Luis Otavio Faria, Emma Bell, Tomas     

  Tomasson, Mariana Cornetti, entre outros 

 

7- Wolfgang Amadeus Mozart

     Così fan Tutte

 

     Direcão Musical: Rinaldo Alessandrini

     Direção Cênica: Pier Francesco Maestrini

 

     Cenários: Juan Guillermo Nova

 

     Carmela Remigio, Monica Bacelli, Luisa Francesconi, Maxim Mironov,

     Mattia Olivieri,  Omar Montanari entre outros

 

 

 O BRAVO da coluna ao maestro John Neschling e esperamos poder   informar logo as datas para a agendas dos leitores,uma vez que a Sol Maior é lida em todo o Brasil.

Tags: agenda, bravo, cultura, óperas, são paulo

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.