Jornal do Brasil

Quarta-feira, 23 de Abril de 2014

Sol maior

Os Melhores concertos de 2013

Maria Luiza Nobre

A temporada de concertos de 2013 foi excelente com a visita ao Rio de Janeiro das grandes estrelas que reinam hoje no mundo da música clássica no planeta. Foram muitas séries de excelência, tanto nacionais como internacionais,a Série Música no Museu com seus concertos diários, fato aliás inédito, as realizações da mesma série do RioHarp Festival, que coloca o Rio de Janeiro como a capital mundial da harpa no mês de maio,e o Festival Internacional de Sopros. A prata da casa brilhou muito em concertos de música de câmara,o aplauso para a Bienal de Música Brasileira Contemporânea, realizada pela FUNARTE com a batuta de Flávio Silva em uma das melhores edições do evento.

Estivemos presentes em um sem número de concertos, recitais e palestras e com muita atenção fizemos uma lista dos melhores concertos para brindar 2013 com tanta energia positiva, artistas sempre fazendo sucesso, outros começando a pisar na arena para achar os próprios caminhos,controlar as emoções no solitário palco,onde ninguém pode tocar por ninguém,somente os dedos,a mente e o cérebro sempre pensante para traduzir na interpretação as páginas que os compositores escreveram dando o seu melhor. A lista dos dez melhores concertos de 2013,na escolha da coluna, observando que todos os concertos foram realizados no Theatro Municipal do Rio de Janeiro.

1) Orquestra Real do Concertgebouw de Amsterdam e regente Marius Jansons ,Série Dell’Arte Internacional no dia 26 de maio.

2) Violoncelista Yo Yo-Ma e pianista Kathryn Stott, Série Dell’Arte Internacional no dia 3 de maio.

3) Orquestra de Câmara Franz Liszt e flautista Emmanuel Pahud, Série Dell’Arte Internacional no dia 25 de maio.

4) Violinista Joshua Bell e pianista Alessio Bax, Série Dell’Arte Internacional no dia 30 de agosto.

5) Orquestra Petrobrás Sinfônica, maestro Isaac Karabtchevsky e violoncelista  Mischa Maisky no dia 9 de novembro.

6) Orquestra Sinfônica Brasileira e maestro Marcelo Lehninger no dia 1ª de junho.

7) Orquestra Sinfônica Brasileira,maestro Roberto Minczuk e pianista Arnaldo Cohen no dia 31 de agosto.

8)Orquestra Sinfônica Brasileira,maestro Roberto Minczuk e pianista Jean Louis Steurman.

9)Quarteto Borodin , Série Dell’Arte Internacional no 4 de junho

10)Aída de Verdi com a Orquestra Petrobrás Sinfônica,Coro Sinfônico do Rio de Janeiro sob a batura do maestro Isaac Karabtchevsky,em 22 de março.

Parabéns a todos os artistas, orquestras e instituições que fizeram e contribuíram para que o Rio de Janeiro seja sempre a eterna capital cultural do país. A colunista deseja um Ano Novo com muita música para os leitores.

Tags: concertos, de, em, estivemos, número, presentes, sem, um

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.