Jornal do Brasil

Quarta-feira, 30 de Julho de 2014

Sol maior

Orquestra Sinfônica Nacional de Washington faz concerto no Municipal

Maria Luiza Nobre

A Orquestra Sinfônica Nacional de Washington, National Symphony Orchestra Washington, faz sua primeira  turnê  internacional sob a batuta de Christoph Eschenbach, pianista e atual diretor musical e regente da orquestra.

O concerto será dia 24 de junho, às 17h, no Theatro Municipal do Rio de Janeiro, na Série do Mozarteum Brasileiro.

O conjunto é  um dos mais renomados do mundo, e como diferencial tem sua participação regular em apresentações como cerimônias de Estado, inaugurações presidenciais e celebrações de feriados oficiais nos Estados Unidos. A orquestra é filiada ao John F.Kennedy Center for the performing Arts, que é um centro dedicado às artes em Washington, DC.

O maestro Christoph Eschenbach foi diretor da Orquestra de Paris, da Philadelphia Orchestra e da NDE Sinfonieorchester, e já visitou o Brasil em várias outras ocasiões, em temporadas do Mozarteum Brasileiro. Terá como solista, no concerto do Rio de Janeiro, o violoncelista Claudio Bohórquez, de ascendência peruana e uruguaia, e que foi antigo aluno de Boris Pergamenschikov.

O maestro Eschenbach afirma que uma de suas metas é a difusão do trabalho do conjunto. “Esta turné será especial, uma vez que visitaremos uma região do mundo que ocupa lugar de destaque tanto na história da NSO quanto na minha história pessoal. Uma das minhas primeiras turnês como pianista inclui alguns dos países que visitaremos, e me lembro da forma calorosa de como fui acolhido”,acrescenta.

O programa do concerto do dia 24 terá três obras: a “Abertura Carnaval Romano”, de H.Berlioz, o “Concerto para violoncello e orquestra”, de E.Lalo, e a “Sinfonia nº5”, de P.Tchaikovsky.

Ingressos à venda.

Tags: coluna, Luiza, maior, Maria, sol

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.