Jornal do Brasil

Sexta-feira, 17 de Agosto de 2018 Fundado em 1891

Rio

Companhia de limpeza do Rio retira 222 toneladas de lixo do Sambódromo

Jornal do Brasil

A Companhia Municipal de Limpeza Urbana (Comlurb) recolheu 222 toneladas de resíduos somente nessa segunda-feira (12), último dia de desfiles das escolas de samba do Grupo Especial, na Marquês de Sapucaí. Foram retiradas 62 toneladas de lixo das partes interna e externa do Sambódromo, sendo três toneladas de materiais recicláveis, que foram entregues às cooperativas de catadores parceiras da empresa.

No carnaval de rua, com blocos, bailes e festas populares nas vias públicas, foram recolhidas pelas equipes de limpeza160 toneladas de resíduos. No bloco Sargento Pimenta, que desfilou no Aterro do Flamengo segunda-feira (12), os garis da Comlurb recolheram a maior quantidade de resíduos,  14 toneladas. 

Garis da Comlurb recolhem lixo deixado nas ruas por foliões

Na Estrada Intendente Magalhães, em Campinho, zona norte da cidade, onde desfilam as escolas de samba dos grupos B, C, D e E, foram retiradas 6,7 toneladas de lixo. No Baile de Rua Dias da Cruz, no Méier, zona norte, os garis recolheram seis toneladas de resíduos. Desde sexta-feira, foram recolhidas 486,5 toneladas de lixo das ruas da cidade, com dois mil garis se revezando na manutenção dos logradouros públicos.

Lixo Zero

O programa Lixo Zero multou 98 foliões nessa segunda-feira (12), sendo 91 por urinar nas ruas e sete por descarte irregular de pequenos resíduos, como guimba de cigarro. Desde sexta-feira (9), foram 518 pessoas multadas, 420 por urinar em vias públicas e 98 por lixo descartado irregularmente.

O programa terá continuidade até o encerramento do carnaval.

Agência Brasil


Tags: carnaval, folia, gari, limpeza, lixo

Compartilhe: