Jornal do Brasil

Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2017

Rio

Crivella amplia programa de motopatrulhamento para a Zona Norte

Jornal do Brasil

O prefeito do Rio de Janeiro, Marcelo Crivella, anunciou nesta quinta-feira (7) a ampliação do programa de motopatrulhamento para a Zona Norte da cidade. Os guardas municipais vão atuar, em parceria com a Polícia Militar, na vigilância dos bairros de Irajá, Brás de Pina, Colégio, Vila da Penha e Vista Alegre. Crivella explicou que a ideia é liberar os policiais militares para combater crimes de maior poder ofensivo.

"A Prefeitura, antigamente, só multava e cuidava do ordenamento, agora está cuidando da segurança do cidadão no varejo. São furtos, roubos de celulares, roubo de bolsa e também vigilância. Agora, tendo o nosso rádio na mesma frequência da Polícia Militar, podemos prestar um grande trabalho. Vamos aumentar o número de motocicletas na Vila da Penha, Irajá, Vista Alegre. Tenho certeza que isso vai melhorar. Vamos estender por toda a cidade. O importante é que a postura da Guarda Municipal mudou, agora nós estamos juntos com a Polícia Militar cuidando, sobretudo,  desse crime de rua", disse o prefeito, ao lado do secretário Municipal de Assistência Social e Direitos Humanos, Pedro Fernandes, durante evento em Vista Alegre. 

Crivella cumprimenta um dos agentes da Guarda Municipal que vai atuar na Zona Norte
Crivella cumprimenta um dos agentes da Guarda Municipal que vai atuar na Zona Norte

O programa de motopatrulhamento começou no final de agosto, com a recriação do Grupamento de Guardas Motociclistas (GGM). A iniciativa  é uma das medidas que estão sendo adotadas pela Prefeitura do Rio para contribuir com as forças de segurança pública na redução dos índices de criminalidade na cidade. O GGM atua em rondas preventivas e ostensivas, alinhadas a ações integradas de tecnologia com o recebimento de informações e imagens do Núcleo de Videopatrulhamento e da Assessoria de Inteligência da Guarda Municipal.

Com o efetivo total de 176 guardas motociclistas e garupeiros, o GGM realiza ainda o motopatrulhamento na Barra da Tijuca, no Recreio dos Bandeirantes, em Vargem Grande e Pequena, na Ilha do Governador,  em Copacabana, no Leme, em Ipanema e no Leblon.

Tags: cidade, crivella, patrulhamento, polícia militar, prefeitura, rio de janeiro

Compartilhe: