Jornal do Brasil

Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2017

Rio

12ª Parada do Orgulho LGBT de Duque de Caxias promove basta contra a violência 

Evento terá presença de Viviane Araújo e da cantora Perlla, entre outras atrações

Jornal do Brasil

A 12ª Parada do orgulho LGBT de Duque de Caxias acontece no próximo domingo, dia 10 de dezembro na Avenida Brigadeiro de Lima e Silva, na 25 de agosto, a partir das 13h e terá a participação confirmada de Viviane Araújo, David Brazil, a cantora Perlla,  entre outras atrações.

 A cada 25 horas acontece um assassinato contra um LGBT no Brasil. Diante dessa situação de grave intolerância e desrespeito, o Grupo GPD de Duque de Caxias organiza a 12° Parada do Orgulho LGBT Duque de Caxias, com tema "Basta de Violência contra LGBT. Vamos amar sem Temer!!! Atrações como Lexa, MC G15, mulher Pepita, Karol Ka, MC K9, KING e Cariucha, movimentarão a Avenida Brigadeiro Lima e Silva. Comandando os Trios elétricos, Gominho e vários brindes da FM O Dia.

 Quem chegar cedo pode aproveitar os serviços da ‘Tenda da Prevenção’ do Departamento de DST-Aids e hepatites virais de Duque de Caxias, a partir das 12 hs até às 18 hs. O Grupo Pela Vidda traz testagem rápida de DST-AIDS, enquanto a Coordenadoria Especial da Diversidade Sexual com um trabalho de prevenção e informação. O Programa Rio sem Homofobia com o Centro de Cidadania LGBT baixada disponibilizará assistentes sociais, além de atendimento jurídico e psicológico na tenda de informação/acolhimento

 A cantora Perlla, que recentemente voltou às raízes do Funk, é presença confirmada na 12ª Parada do Orgulho LGBT. É a primeira vez dela no evento. "Para mim é uma honra muito grande. São pessoas que amam meu som, se inspiram em meus looks, minhas coreografias e em minha vida. Tenho certeza que será um grande show. Sou acolhida com carinho pelo público LGBT", disse a cantora.

A Parada do Orgulho LGBT Duque de Caxias organizada pelo grupo GPD Duque de Caxias leva para as ruas pessoas que lutam por direitos iguais, que combatem a intolerância, o preconceito e o ódio, dando voz àquelas pessoas que por tantos anos viveram e ainda vivem à margem da sociedade.

Tags: acolhimento, diversidade, intolerância, lgbt, prevenção, tenda

Compartilhe: