Jornal do Brasil

Sábado, 18 de Novembro de 2017

Rio

Data limite para recadastramento do Bilhete Único Intermunicipal é nesta quarta

Quem não comprovar renda mensal terá benefício desabilitado a partir de quinta-feira

Jornal do Brasil

Os donos do Bilhete Único Intermunicipal (BUI) têm até esta quarta-feira (23) para fazer recadastramento comprovando renda mensal de até R$ 3 mil. Quem não fizer a renovação terá os descontos tarifários desabilitados a partir desta quinta-feira (23). Quem deseja garantir o benefício deve realizar o cadastro no site da Secretaria Estadual de Transportes.

Aqueles que informaram renda superior a este valor também serão excluídos do benefício. Até segunda, 73% das pessoas que utilizaram os cartões em todos os meses de 2017 já estavam com a renda declarada.

Data limite para recadastramento é nesta quarta-feira
Data limite para recadastramento é nesta quarta-feira

Os cartões continuarão sendo aceitos normalmente nos transportes públicos. No entanto, aqueles que não fizerem o recadastramento ou não se adequarem à nova regra não poderão mais fazer viagens com descontos no BUI e serão descontadas as tarifas cheias.

Caso o comprador de créditos seja o próprio titular, a informação de renda mensal deve ser realizada por autodeclaração. O usuário deve acessar o site da secretaria e clicar no banner ‘Declaração de renda do BUI’. Após efetuar o login, é necessário escolher a opção ‘Informar ou atualizar sua renda’. Em seguida, o beneficiário deve cadastrar o seu rendimento e declarar que as informações prestadas são verdadeiras e atuais.

O cadastro deve ser atualizado sempre que houver alteração da renda mensal.

No caso do empregador, no ato da compra dos créditos de vale-transporte, é necessário declarar o valor nominal da renda mensal do empregado.

A veracidade dos dados poderá ser checada a qualquer momento pela Secretaria Estadual de Transportes. Se forem constatadas irregularidades, o titular do BUI será convocado a prestar esclarecimentos. O autor das informações prestadas — seja o titular ou o comprador de créditos — estará sujeito à responsabilização nas esferas administrativa, cível e criminal.

Tags: bilhete único, data limite, recadastramento, renda, rio

Compartilhe: