Jornal do Brasil

Quinta-feira, 21 de Setembro de 2017

Rio

Rio tem mais policiais mortos do que em qualquer outro lugar no mundo

Só este ano foram 97 mortos, e em 2016 foram 146

Jornal do Brasil

A violência que tomou conta do Rio de Janeiro nos últimos anos tem se mostrado maior do que em muitos dos locais mais violentos do mundo, principalmente no que diz respeito a policiais mortos. Em 2016, por exemplo, a capital fluminense teve 146 agentes púbicos de segurança assassinados, enquanto nas cinco cidades mais violentas do planeta, esse número foi de 100. Apenas em 2017, o Rio de Janeiro já contabilizou 97 policiais militares que perderam suas vidas.

O levantamento foi feito pela Agência Lupa, a partir de um estudo divulgado em abril pela Organização Não-Governamental (ONG) mexicana Seguridad, Justicia y Paz, que mapeou os 50 municípios mais violentos do mundo.

Rio tem mais policiais mortos do que em qualquer outro lugar no mundo
Rio tem mais policiais mortos do que em qualquer outro lugar no mundo

Para piorar a estatística, se tivermos como base a taxa de homicídios a cada 100 mil cidadãos, a posição do Rio de Janeiro quanto aos policiais mortos piora ainda mais. Caracas, na Venezuela, foi, no ano passado, a cidade mais violenta do mundo, com 130,5 mortos para cada 100 mil habitantes. No Rio, esse dado foi de 37,6 para cada 100 mil. Já o número de policiais assassinados na capital venezuelana em 2016 foi de 76.

A segunda cidade mais violenta do mundo é Acapulco, no México. Em 2016 foram 113,24 mortos para cada 100 mil habitantes. Mas houve apenas dois policiais assassinados em todo o Estado de Guerrero, onde fica Acapulco.

Tags: assassinatos, estatística, policiais, segurança pública, violência

Compartilhe: