Jornal do Brasil

Segunda-feira, 20 de Outubro de 2014

Rio

Fiscalização no Rio apreende 44 ônibus e aplica mais de 100 infrações

Agência Brasil

Fiscais do Departamento de Transportes Rodoviários do Estado do Rio de Janeiro (Detro) fizeram durante toda a manhã de hoje (1º) uma megaoperação nos principais terminais rodoviários do estado com foco na verificação das condições da frota regular dos ônibus intermunicipais, a fim de checar as condições de tráfego dos veículos. A ação foi iniciada às 6h, tendo como resultado 44 ônibus recolhidos e mais de 100 infrações aplicadas.

As equipes, que totalizaram 15 fiscais do Detro, atuaram nos principais terminais na cidade do Rio de Janeiro, como Rodoviária Novo Rio, Américo Fontenelle e Alvorada, na capital; João Goulart, em Niterói; e Alcântara, em São Gonçalo. Nos demais municípios, a ação ocorreu nos locais de saída e chegada das linhas intermunicipais, como em Duque de Caxias, Nova Iguaçu, Angra dos Reis, Cabo Frio, Araruama, Petrópolis, Teresópolis, Campos, Volta Redonda e Barra do Piraí.

De acordo com a coordenadora da operação, Maria de Fátima Virgínio, a maioria das irregularidades está relacionada à manutenção e documentação dos veículos, mas a acessibilidade para pessoas com deficiência também não está sendo atendida de modo adequado. “Alguns ônibus estão com o elevador do cadeirante inoperante, além do mau estado de conservação, principalmente na parte elétrica dos coletivos.”

Segundo o Detro, foram apreendidos quatro coletivos na Região dos Lagos, quatro em Campos, dez em Volta Redonda, cinco em Duque de Caxias, oito em Nova Iguaçu, cinco no Terminal Américo Fontenelle e oito na Rodoviária Novo Rio. Entre as infrações encontradas estão documentação obrigatória vencida, operação de linha não autorizada, excesso de lotação, falta do quadro de tarifas, atraso superior a dez minutos e motor em funcionamento com veículo parado. Os valores das multas lançadas dobram a cada reincidência e variam entre R$ 563,79 por descumprimento de portaria a R$ 2.555,13 por falta de equipamentos de segurança, como pneus lisos ou iluminação externa defeituosa.

Maria de Fátima também pediu a colaboração das pessoas  que utilizam o transporte rodoviário para que mais irregularidades sejam combatidas no dia a dia. “O nosso objetivo é a melhoria da qualidade do serviço de transporte intermunicipal e, para isso, precisamos da ajuda do usuário, para que eles denunciem qualquer irregularidade nos coletivos", explicou. Ela disse que as queixas podem ser prestadas pelo telefone da Ouvidoria do Detro (3883-4141) ou pelo e-mail ouvidoria@detro.rj.gov.br.

O Detro informou que realizou outra operação na semana passada, com duração de dois dias, para coibir irregularidades na frota de ônibus e no transporte complementar de passageiros. Na ocasião foram apreendidos 42 veículos e 28 foram autuados.

Tags: detro, fiscalização, onibus, punição, transporte

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.