Jornal do Brasil

Quinta-feira, 19 de Abril de 2018 Fundado em 1891

Rio

TRE: relatório sobre possível fraude em campanha deve ficar pronto nesta sexta

Jornal do Brasil Gisele Motta *

O TRE informou que o relatório da investigação sobre suposto desvio de dinheiro público para produção de material para a campanha eleitoral da coligação do PMDB deverá ser concluído na próxima sexta-feira (15). Logo depois, será encaminhado ao Ministério Público Eleitoral (MPE). O MPE poderá ajuizar ações para apurar as irregularidades, o que pode levar à punição aos envolvidos.

A CSPS Signs Painéis, nome comercial da High Level Signs, prestou diversos serviços gráficos ao governo e à prefeitura do Rio de Janeiro em 2014, como a produção de adesivos e balões para a Operação Lei Seca, envelopamento de veículos de supervisão regional e placas com o brasão da Polícia Militar, entre outros, afirmou o Tribunal Regional Eleitoral do Rio de Janeito (TRE-RJ).  

>>TRE: gráfica prestou serviços ao governo e à prefeitura do Rio 

>> "Candidaturas devem ser impugnadas", diz Itagiba sobre denúncia do TRE

>> Pé no freio: material de candidatos da coligação do PMDB fica escasso no Rio

>> Procuradoria pode impedir candidatura de envolvidos em suposto desvio de verba 

>> Chico Alencar ataca uso da ‘máquina da prefeitura’

>> Rio: TRE desmantela suposto esquema de fraude para o PMDB

>>Gráfica: Marcelo Freixo espera atuação rápida da Justiça Eleitoral

A fiscalização do Tribunal Regional Eleitoral do Rio de Janeiro lacrou, por tempo indeterminado, a empresa de comunicação visual High Level Signs, no Méier, na última sexta-feira (8).

Operação do TRE fechou gráfica supostamente envolvida com desvio de dinheiro público na sexta (8)

De acordo com o TRE, a empresa produzia material gráfico do candidato à reeleição ao governo estadual Luiz Fernando Pezão (PMDB), a deputado federal Pedro Paulo (PMDB), Leonardo Picciani (PMDB), Sávio Neves (PEN) e Rodrigo Bethlem (PMDB) e a deputado estadual Lucinha (PSDB), Osório (PMDB), Serginho da Pastelaria (PTdoB), André Lazaroni (PMDB) e Rafael Picciani (PMDB).  O dinheiro apreendido ficará sob a custódia do TRE-RJ, que vai encaminhar fotos, gravação, documentos e material irregular de campanha ao Ministério Público Eleitoral e ao Ministério Público Estadual, responsáveis por ajuizar ações nas áreas eleitoral e criminal contra a empresa e os candidatos suspeitos de participar da fraude.

*Do programa de Estágio do JB



Tags: eduardo paes, gráfica, pedro paulo, psdb, rodrigo bethlem, tre

Compartilhe: