Jornal do Brasil

Domingo, 21 de Dezembro de 2014

Rio

TRE: relatório sobre possível fraude em campanha deve ficar pronto nesta sexta

Jornal do BrasilGisele Motta *

O TRE informou que o relatório da investigação sobre suposto desvio de dinheiro público para produção de material para a campanha eleitoral da coligação do PMDB deverá ser concluído na próxima sexta-feira (15). Logo depois, será encaminhado ao Ministério Público Eleitoral (MPE). O MPE poderá ajuizar ações para apurar as irregularidades, o que pode levar à punição aos envolvidos.

A CSPS Signs Painéis, nome comercial da High Level Signs, prestou diversos serviços gráficos ao governo e à prefeitura do Rio de Janeiro em 2014, como a produção de adesivos e balões para a Operação Lei Seca, envelopamento de veículos de supervisão regional e placas com o brasão da Polícia Militar, entre outros, afirmou o Tribunal Regional Eleitoral do Rio de Janeito (TRE-RJ).  

>>TRE: gráfica prestou serviços ao governo e à prefeitura do Rio 

>> "Candidaturas devem ser impugnadas", diz Itagiba sobre denúncia do TRE

>> Pé no freio: material de candidatos da coligação do PMDB fica escasso no Rio

>> Procuradoria pode impedir candidatura de envolvidos em suposto desvio de verba 

>> Chico Alencar ataca uso da ‘máquina da prefeitura’

>> Rio: TRE desmantela suposto esquema de fraude para o PMDB

>>Gráfica: Marcelo Freixo espera atuação rápida da Justiça Eleitoral

A fiscalização do Tribunal Regional Eleitoral do Rio de Janeiro lacrou, por tempo indeterminado, a empresa de comunicação visual High Level Signs, no Méier, na última sexta-feira (8).

Operação do TRE fechou gráfica supostamente envolvida com desvio de dinheiro público na sexta (8)
Operação do TRE fechou gráfica supostamente envolvida com desvio de dinheiro público na sexta (8)

De acordo com o TRE, a empresa produzia material gráfico do candidato à reeleição ao governo estadual Luiz Fernando Pezão (PMDB), a deputado federal Pedro Paulo (PMDB), Leonardo Picciani (PMDB), Sávio Neves (PEN) e Rodrigo Bethlem (PMDB) e a deputado estadual Lucinha (PSDB), Osório (PMDB), Serginho da Pastelaria (PTdoB), André Lazaroni (PMDB) e Rafael Picciani (PMDB).  O dinheiro apreendido ficará sob a custódia do TRE-RJ, que vai encaminhar fotos, gravação, documentos e material irregular de campanha ao Ministério Público Eleitoral e ao Ministério Público Estadual, responsáveis por ajuizar ações nas áreas eleitoral e criminal contra a empresa e os candidatos suspeitos de participar da fraude.

*Do programa de Estágio do JB

Tags: eduardo paes, gráfica, pedro paulo, PSDB, rodrigo bethlem, tre

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.