Jornal do Brasil

Sexta-feira, 31 de Outubro de 2014

Rio

Justiça do Rio decreta preventiva de casal suspeito de crimes 

Portal Terra

A Justiça do Rio de Janeiro recebeu nesta quinta-feira denúncia do Ministério Público e decretou prisão preventiva de Ieda Cristina Cardoso da Silva e Eduardo Tadeu Pinto Martins.

O casal é acusado do assassinato do empresário José Jair Farias Junior, ex- marido de Ieda e pai de um de seus filhos, e já cumpre prisão preventiva pelo homicídio do zelador Jezi de Souza, ocorrido em São Paulo em maio deste ano.

Na decisão, o juiz Fabio Uchoa, do I Tribunal do Júri da Capital, esclarece que a medida tem por objetivo a garantia da ordem pública, a conveniência da instrução criminal e para assegurar a eventual aplicação da lei penal.

Para o magistrado, o crime contra José Jair foi cometido com extrema gravidade, e o modo de execução revela a periculosidade dos agentes, em razão de a vítima ter recebido disparo de arma de fogo à curta distância.

Tags: empresário, prisão, Rio, sentença, Tribunal

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.