Jornal do Brasil

Domingo, 23 de Novembro de 2014

Rio

Rio teve mais de 2,7 mil assassinatos no primeiro semestre

Jornal do Brasil

O Rio de Janeiro teve 2.721 homicídios no primeiro semestre de 2014, um aumento de 13,1% em relação ao mesmo período do ano passado, segundo dados divulgados pelo Instituto de Segurança Pública (ISP), órgão de estatística da Secretaria de Segurança do Estado. 

De acordo com os dados do ISP, o primeiro semestre de 2014 foi o mais violento, em termos d números absoluto de assassinatos, desde 2009. Os registros de homicídios neste ano são superiores aos dos primeiros semestres de 2012 (29,6% maior), de 2011 (20,8%) e de 2010 (6,3%).

Na comparação com 2013, houve crescimento também nos latrocínios, ou seja, os roubos seguidos de morte (33,9%) e autos de resistência, que são as mortes cometidas por policiais supostamente em legítima defesa (42,5%). Apenas o número de lesões corporais seguidas de morte caíram, de 21 casos para 18.

O indicador obtido com a soma de todos esses crimes é chamado de letalidade violenta. Foram 3.107 registros no primeiro semestre deste ano, ou seja, 15,5% a mais do que os 2.689 casos registrados no primeiro semestre do ano passado.

Outros crimes violentos que aumentaram na comparação do primeiro semestre deste ano com o mesmo período de 2013 foram tentativa de homicídio (28,1%) e roubo de rua (40,5%). As tentativas de assassinato no Estado chegaram a 3.107 casos neste ano ante 2.689 no ano passado. Já os roubos de rua, que incluem de celular e em coletivos, foram 47.964 em 2014 ante 34.137 no ano passado.

Tags: instituto, pública, Rio, segurança, violência

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.