Jornal do Brasil

Sexta-feira, 19 de Setembro de 2014

Rio

Professores do sul fluminense recebem capacitação sobre energia nuclear

Agência Brasil

Nova turma de professores da rede municipal de ensino de Angra dos Reis e de Paraty, municípios da costa verde do estado do Rio de Janeiro, concluiu hoje (30) o curso de capacitação sobre energia nuclear, promovido pelo Plano de Emergência da Central Nuclear Almirante Álvaro Alberto (CNAAA). A iniciativa é do Sistema de Proteção ao Programa Nuclear Brasileiro (Sipron).

A central nuclear brasileira está localizada no município de Angra dos Reis, sul fluminense, e abriga as usinas nucleares Angra 1 e 2, em funcionamento, além da usina Angra 3, em construção.

O secretário de Defesa Civil de Angra dso Reis, Marco Oliveira, destacou, em entrevista à Agência Brasil, a importância da capacitação dos professores sobre o setor nuclear para disseminar as informações, com vistas à proteção da população.

“Nada melhor do que os profissionais da educação para repassar as informações. Eles fazem o trabalho na base, com os alunos.  Por isso, é muito importante ter essas pessoas que participam do processo de  formação do aluno, do cidadão, para informar o que eles têm na cidade, a fim de que tirem suas próprias conclusões. Conhecer como funciona uma usina nuclear, se há risco, se há plano de emergência, quem são os atores envolvidos numa situação dessas”, disse o secretário.

Oliveira informou que a capacitação dos professores é anual e contínua, e dá seguimento a uma ação iniciada há alguns anos em Angra dos Reis, Paraty e Rio Claro. A capacitação consiste de 20 horas-aula, que incluem noções de defesa civil e riscos regionais, fundamentos básicos de energia nuclear, funcionamento de uma usina nuclear e plano de emergência. O certificado de conclusão tem chancela da Escola de Defesa Civil do Estado do Rio de Janeiro (Esdec).

 

Tags: energia, magistério, proteção, Rio, Sistema, turmas

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.