Jornal do Brasil

Quinta-feira, 26 de Abril de 2018 Fundado em 1891

Rio

Justiça do RJ ouve acusado de matar filho de Cissa Guimarães

Jornal do Brasil

O acusado pela morte de Rafael Mascarenhas, filho da atriz Cissa Guimarães, será ouvido nesta quinta feira pela Justiça no Rio de Janeiro. Rafael de Souza Bussmra, que dirigia o carro que atropelou o filho da atriz, prestará declarações ao juiz Guilherme Schilling Pollo Duarte, da 16ª Vara Criminal da Capital.

Rafael Mascarenhas foi atropelado e morto em 2010, quando tinha 18 anos. Ele andava de skate no túnel Acústico da Gávea, na zona sul do Rio, quando a pista estava interditada para a manutenção. Na época, a polícia concluiu que dois carros passaram no local, em uma espécie de disputa de velocidade.

Além de Rafael, Roberto Martins Bussamra, pai do acusado, também é réu no processo. Roberto, porém, já foi ouvido pela Justiça. O pai do motorista foi indiciado por induzir a erro agente polícia, perito e juiz.  Ele ainda é acusado por corrupção ativa, já que admitiu ter pagado R$ 1 mil em propina a dois policiais militares, que teriam pedido R$ 10 mil para desfazer o local do acidente e evitar a prisão do motorista.

Os PMs foram indiciados pela Justiça Militar e presos na Unidade Prisional da PM.

Homicídio culposo

Há exatamente um ano, a Justiça divulgou a decisão que manteve a acusação contra Rafael Martins Bussamra como homicídio culposo (quando não há a intenção de matar). No dia 25 de outubro de 2012, a Justiça desqualificou Bussamra de homicídio doloso (quando há intenção de matar) para homicídio culposo de trânsito.

"As provas dos autos mostraram que em momento algum o Rafael Bussamra teria assumido o risco de matar. Foi realmente um acidente. A história do racha que foi alegada pela acusação não ficou comprovada em hipótese alguma", enfatizou o advogado de defesa na época, Carlos Eduardo Barreiros Rebelo. 

Entenda o acidente

O músico Rafael Mascarenhas, 18 anos, filho caçula da atriz Cissa Guimarães, morreu em 20 de julho de 2010. O rapaz andava de skate na pista sentido Gávea do Túnel Acústico - que estava sem tráfego devido à interdição para manutenção do Túnel Zuzu Angel, 4,9 km antes- quando foi atropelado pelo Siena KXR-0394, dirigido pelo estudante Rafael de Souza Bussamra, 25 anos, que estaria em alta velocidade.

O filho de Cissa e amigos andavam de skate quando foram surpreendidos pelos dois veículos. Rafael disse que buzinou e piscou o farol, mas alega que o skatista teria feito manobra brusca. O Corpo de Bombeiros foi acionado à 1h49 e chegou ao local em menos de cinco minutos. Com politraumatismo, Rafael foi levado com vida ao Hospital Municipal Miguel Couto, na Gávea, onde foi operado, mas morreu às 8h.

Portal Terra


Tags: Filho, atriz, morte, skate, túnel

Compartilhe: