Jornal do Brasil

Quarta-feira, 20 de Agosto de 2014

Rio

Justiça do RJ ouve acusado de matar filho de Cissa Guimarães

Portal Terra

O acusado pela morte de Rafael Mascarenhas, filho da atriz Cissa Guimarães, será ouvido nesta quinta feira pela Justiça no Rio de Janeiro. Rafael de Souza Bussmra, que dirigia o carro que atropelou o filho da atriz, prestará declarações ao juiz Guilherme Schilling Pollo Duarte, da 16ª Vara Criminal da Capital.

Rafael Mascarenhas foi atropelado e morto em 2010, quando tinha 18 anos. Ele andava de skate no túnel Acústico da Gávea, na zona sul do Rio, quando a pista estava interditada para a manutenção. Na época, a polícia concluiu que dois carros passaram no local, em uma espécie de disputa de velocidade.

Além de Rafael, Roberto Martins Bussamra, pai do acusado, também é réu no processo. Roberto, porém, já foi ouvido pela Justiça. O pai do motorista foi indiciado por induzir a erro agente polícia, perito e juiz.  Ele ainda é acusado por corrupção ativa, já que admitiu ter pagado R$ 1 mil em propina a dois policiais militares, que teriam pedido R$ 10 mil para desfazer o local do acidente e evitar a prisão do motorista.

Os PMs foram indiciados pela Justiça Militar e presos na Unidade Prisional da PM.

Homicídio culposo

Há exatamente um ano, a Justiça divulgou a decisão que manteve a acusação contra Rafael Martins Bussamra como homicídio culposo (quando não há a intenção de matar). No dia 25 de outubro de 2012, a Justiça desqualificou Bussamra de homicídio doloso (quando há intenção de matar) para homicídio culposo de trânsito.

"As provas dos autos mostraram que em momento algum o Rafael Bussamra teria assumido o risco de matar. Foi realmente um acidente. A história do racha que foi alegada pela acusação não ficou comprovada em hipótese alguma", enfatizou o advogado de defesa na época, Carlos Eduardo Barreiros Rebelo. 

Entenda o acidente

O músico Rafael Mascarenhas, 18 anos, filho caçula da atriz Cissa Guimarães, morreu em 20 de julho de 2010. O rapaz andava de skate na pista sentido Gávea do Túnel Acústico - que estava sem tráfego devido à interdição para manutenção do Túnel Zuzu Angel, 4,9 km antes- quando foi atropelado pelo Siena KXR-0394, dirigido pelo estudante Rafael de Souza Bussamra, 25 anos, que estaria em alta velocidade.

O filho de Cissa e amigos andavam de skate quando foram surpreendidos pelos dois veículos. Rafael disse que buzinou e piscou o farol, mas alega que o skatista teria feito manobra brusca. O Corpo de Bombeiros foi acionado à 1h49 e chegou ao local em menos de cinco minutos. Com politraumatismo, Rafael foi levado com vida ao Hospital Municipal Miguel Couto, na Gávea, onde foi operado, mas morreu às 8h.

Tags: atriz, Filho, morte, skate, túnel

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.