Jornal do Brasil

Segunda-feira, 20 de Outubro de 2014

Rio

Copacabana é palco de novo protesto contra a Copa

Jornal do Brasil

Um novo protesto contra a realização da Copa do Mundo no Brasil tomou conta da orla do Rio de Janeiro neste domingo. No sábado, manifestação semelhante já tinha ocorrido em Copacabana. Os atos na Zona Sul da cidade foram pacíficos, ao contrário do protesto que reuniu cerca de 300 pessoas nas ruas da Tijuca no final da tarde de ontem. 

A manifestação de ontem na Praça Saens Peña terminou com 15 detidos. De acordo com a Polícia Militar, os manifestantes jogaram bombas caseiras nos PMs do Batalhão de Grandes Eventos, que detiveram 15 deles por desacato e agressão. As ocorrências foram registradas na 17ª e na 19ª Delegacia de Polícia. A PM deteve ainda 38 cambistas.

Orla do Rio de Janeiro foi palco de mais uma manifestação contra a Copa do Mundo
Orla do Rio de Janeiro foi palco de mais uma manifestação contra a Copa do Mundo

A Polícia Militar divulgou neste domingo (29), uma nota sobre as prisões e apreensões feitas na noite de sábado durante o protesto na Tijuca. Os manifestantes protestavam contra a Copa do Mundo, a violência nas UPPs e a prisão dos manifestantes Caio, Fábio e Rafael. Representantes dos índios da Aldeia Maracanã - que não aceitaram a proposta do Minha Casa, Minha Vida - e dos garis que não estão satisfeitos com as negociações com o governo, também se juntaram ao grupo.

O grupo se concentrou na Praça Saens Peña, na Tijuca, e de lá seguiu em passeata em direção ao Maracanã. A PM montou barreiras para impedir o acesso ao estádio. Ainda na Tijuca, o grupo entrou em confronto com policiais, que usaram spray de pimenta. 

Manifestação deste domingo na Zona Sul do Rio não teve muita adesão
Manifestação deste domingo na Zona Sul do Rio não teve muita adesão

Segundo a PM, vinte rojões com pregos e 178 ouriços foram apreendidos por policiais do Serviço Reservado do 6º BPM (Tijuca) e quinze pessoas foram detidas por desacato e agressão. Na nota, a PM afirma que "os manifestantes jogaram bombas caseiras nos policiais do Batalhão de Grandes Eventos". As ocorrências foram encaminhadas para a 17ª e 19ª DPs.

Tags: 2014, brasil, Mundial, Sul, Zona

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.