Jornal do Brasil

Terça-feira, 29 de Julho de 2014

Rio

Teleférico do Complexo do Alemão fecha após tiroteio

Agência Brasil

O teleférico do Complexo do Alemão, zona norte do Rio de Janeiro, está fechado há mais de 16 horas devido a um tiroteio entre policiais e traficantes no fim da tarde de ontem (16). Com isso, cerca de 12 mil pessoas que diariamente utilizam o teleférico ficaram prejudicadas. A concessionária de trens urbanos do estado, a Supervia, que também administra o teleférico, informou que as atividades foram suspensas para garantir a segurança dos usuários. Neste momento, técnicos da empresa fazem uma inspeção no local para verificar se a estrutura não foi danificada por tiros. O teleférico funciona das 6h às 21h.

De acordo com a Coordenadoria da Polícia Pacificadora, não houve registro de novos confrontos nesta madrugada. O policiamento segue reforçado com homens de outras unidades de Polícia Pacificadora (UPPs) da região, agentes do Batalhão de Operações Policiais Especiais (Bope) e Coordenadoria de Recursos Especiais (Core), da Polícia Civil.

De acordo com a coordenadoria, por volta das 17h de ontem, policiais da UPP Nova Brasília patrulhavam a localidade do Largo da Vivi quando entraram em confronto com grupo de pessoas armadas, que conseguiram fugir. Mais tarde, os policiais voltaram a trocar tiros com o grupo nas localidades Largo do Samba, na Igreja da Assembleia, no Largo do Terço e na Alvorada. Ninguém ficou ferido, segundo a polícia.

Tags: comunidade, pacificada, tiros, transporte, vistoria

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.