Jornal do Brasil

Segunda-feira, 1 de Setembro de 2014

Rio

Prefeitura do Rio amplia área de estacionamento proibido para Espanha x Chile

Agência Brasil

A prefeitura do Rio estima que 59% do público que estará presente no Estádio do Maracanã amanhã (18) para o jogo entre Espanha e Chile serão de estrangeiros, 34% de residentes na cidade e 7% de brasileiros vindos de outros estados. O presidente da Rio Eventos, Leonardo Maciel, disse que os números estão próximos aos registrados no domingo, para a partida entre Argentina e Bósnia, quando o esquema operacional montado pela prefeitura deu certo.

"No cômputo geral, tudo funcionou como o planejado. A prefeitura está sempre buscando melhorar o seu plano de mobilidade, e o nosso objetivo é fazer com que cada jogo realizado seja melhor que o anterior, mesmo sabendo que cada um tem um desafio diferente", disse o dirigente.

O esquema operacional para esta quarta-feira (18) teve algumas alterações porque, de acordo com Leonardo Maciel, além de ser em dia de semana e de receber torcidas de seleções com tradição no futebol e que costumam acompanhar as equipes, também mostrou a necessidade de corrigir problemas do último jogo.

Um dos pontos alterados foi no número de ruas com proibição de estacionamento na área ao redor do estádio. O diretor de Operações da Companhia de Engenharia de Trânsito (CET-Rio), Joaquim Dinis, informou que a Rua 8 de Dezembro, em Vila Isabel, zona norte, foi incluída no esquema. Ele explicou que, por causa da manifestação que ocorreu no domingo, houve necessidade de usar a via para fazer o desvio de trânsito, o que foi dificultado pelos veículos estacionados no local.

Dinis informou que, para amanhã, também há a recomendação para os torcedores com ingressos para o Portão D, conhecido como o da estátua de Bellini [capitão da seleção brasileira de 1958], utilizem a Estação São Francisco Xavier do metrô. Ele explicou que, como o deslocamento para a ida ao estádio vai coincidir com a saída dos trabalhadores, por causa do meio feriado, será melhor usar essa estação, onde roda a Linha 1, “que costuma ser mais vazia”.

De acordo com o presidente da Rio Eventos, o feriado de amanhã a partir de 12h tem o objetivo de facilitar o trânsito de torcedores para o Maracanã e evitar um número maior de passageiros nos transportes públicos. Ele acrescentou, no entanto, que os serviços essenciais vão funcionar normalmente.

A Guarda Municipal vai contar com 240 integrantes no controle urbano, 120 nas operações de trânsito e 28 da Coordenadoria de Controle Urbano, que terão o apoio de 15 reboques. "Esses reboques serão utilizados para a remoção de veículos estacionados em locais proibidos", disse o comandante da Guarda Municipal do Rio de Janeiro, capitão Rodrigo Fernandes.

O bloqueio para veículos fretados começará às 9h no entorno do estádio. Já o fechamento ao tráfego nas ruas ao redor do Maracanã vai ter início às 12h e permanecerá até 20h. "No outro jogo, nós liberamos com uma hora e meia após o término do jogo. A previsão de duas horas está mantida, mas se pudermos liberar as vias antes, elas serão liberadas", disse Dinis.

A Rio Eventos informou ainda que em dias de jogos do Maracanã, a Quinta da Boa Vista, parque público em São Cristóvão, zona norte do Rio, permanecerá fechada conforme estava previsto em decreto da prefeitura divulgado em março. O presidente da empresa disse que a passarela provisória da rampa do metrô para acesso ao estádio - que com a passagem de usuários, balançava - passou por reparos e vai ser usada amanhã. "A passarela estava segura, recebeu o reforço e recebeu também a fiscalização do órgãos competentes para dar a licença para aquela estrutura", esclareceu Leonardo Maciel.

Em Copacabana, a pista da Avenida Atlântica junto à orla só terá o trânsito impedido próximo ao local da Fifa Fan Fest, se for necessário, para proteger os participantes do evento. Nos jogos do Brasil, no entanto, o trecho será fechado meia hora antes e abre duas horas depois da festa.

Tags: carro, Copa, estacionamento, jogo, maracanã

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.