Jornal do Brasil

Sexta-feira, 28 de Novembro de 2014

Rio

Olimpíada no Rio: rumores sobre mudança de cidade-sede se intensificam

Clima de preocupação com atrasos nas obras para o evento é crescente

Jornal do Brasil

Os rumores sobre a suposta decisão do Comitê Olímpico Internacional (COI) de transferir os Jogos Olímpicos de 2016 do Rio de Janeiro para outra cidade se intensificam cada vez mais. De início, o jornal britânico London Evening Standard revelou que membros do COI teriam procurado autoridades de Londres para sondar se a cidade poderia receber mais uma Olimpíada, devido aos atrasos na preparação da edição 2016 por parte do Rio de Janeiro. O COI, na época, negou o boato, que considerou "sem fundamento". Entretanto, um alto funcionário da entidade teria dito que o planejamento do Rio 2016 é "o pior que ele já viu".

O clima de preocupação quanto à Olimpíada é crescente, já que a Copa do Mundo começa dentro de uma semana e alguns estádios ainda não estão finalizados. Isso demonstra que o mesmo pode ocorrer com a Olimpíada - que já tem as obras atrasadas - e que há grandes chances dos boatos serem verdadeiros. 

O próprio COI anunciou uma "intervenção" no Rio de Janeiro para controlar mais de perto o desenvolvimento da cidade para o evento. O dirigente da entidade afirmou que as visitas ao Rio serão mais frequentes e que o COI enviará seus próprios profissionais para trabalhar nos projetos. 

Alguns dos problemas apontados envolvem o Parque Olímpico de Deodoro, o Parque Olímpico da Barra, o Campo de golfe de Marapendi, o Engenhão, a Baía de Guanabara e o Estádio de Remo.

A Empresa Olímpica Municipal, vinculada à Prefeitura, e com o trabalho de coordenar a execução das atividades e projetos municipais relacionados à realização dos Jogos Olímpicos e Paralímpicos de 2016, desmente os rumores e recorda que o COI também já negou que pensa em tirar a Olimpíada do Rio de Janeiro.

Tags: atrasos, COI, Londres, mudança, olimpíadas, Organização

Compartilhe:

Comentários

1 comentário
  • Alcir De Souza

    Porque ninguém comenta ?

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.