Jornal do Brasil

Sexta-feira, 19 de Setembro de 2014

Rio

PMs vão de trem da Zona Oeste ao Centro para atuar em manifestações

Jornal do Brasil

Os policiais militares que atuaram na manifestação dos professores e no protesto contra a Copa do Mundo, nesta sexta-feira, no Centro do Rio, foram obrigados e pegar um trem na Zona Oeste, onde está montado provisoriamente um Batalhão de Campanha no Centro de Formação e Aperfeiçoamento de Praças (CFAP).

Um ônibus fez várias viagens de ida e volta para levar os PMs do CFAP, em Sulacap, até a estação de trem de Deodoro. De lá, eles seguiram em um trem da SuperVia até a Central.

A Polícia Militar não informou quantos policiais utilizaram o trem, mas alegou que a opção pelo transporte público se deu para evitar congestionamentos. 

“No dia-a-dia da Polícia Militar, é comum que os integrantes da corporação utilizem transportes públicos - ônibus, barcas, trem e metrô - principalmente quando realizam patrulhamento a pé. Armado e fardado o policial utiliza todos os meios de transporte públicos - inclusive quando atuando pelo Programa Estadual de Integração na Segurança (PROEIS). No caso dos policias do Batalhão de Campanha, optou-se pelo trem porque o deslocamento de ônibus seria prejudicado pelo trânsito naquele momento”, diz a nota da PM.

Tags: Atos, Centro, deslocamento, PMs, protestos

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.