Jornal do Brasil

Terça-feira, 16 de Setembro de 2014

Rio

Rio amplia sistema de envio de mensagens sobre desastres naturais

Agência Brasil

O Ministério Público Federal, a Defesa Civil estadual e as operadoras de telefonia móvel fecharam acordo para ampliar o envio de mensagens para celulares dos moradores do estado do Rio, quando houver risco de desastres naturais.

Os alertas da Defesa Civil dos municípios serão enviados gratuitamente para telefones celulares de pessoas previamente cadastradas. As mensagens conterão o tipo de desastre que pode ocorrer, dia que está previsto, detalhes sobre a localização e recomendações para os moradores.

O subsecretário estadual da Defesa Civil, Jerri Pires, informou que o estado do Rio possui a estrutura necessária para fazer com que os moradores dos municípios cadastrados recentemente participem do projeto.

“Essa é mais uma ferramenta que iremos disponibilizar para fazer com que a informação da previsão do tempo, possibilidade de ocorrência de chuva forte, que pode gerar deslizamentos de terra ou alagamentos, chegue a população que mora em áreas de risco”, explicou.

O secretário municipal de Conservação do Rio, Marcus Belchior, disse que a capital fluminense utiliza diversos sistemas para alertar a população sobre riscos de deslizamentos e cheias desde 2010.

“O município do Rio foi pioneiro. Isso a prefeitura faz desde o início do Centro de Operações, em 2010. Isso aqui é um grande passo para o estado. Muitos municípios não tinham, na verdade; poucos tinham [o sistema de alerta por mensagem de texto]”.

Segundo o secretário, o acordo assinado hoje (19) vai ampliar tanto o número de municípios cadastrados, quanto o número de pessoas, visto que agora mais uma operadora de telefonia móvel faz parte da iniciativa.

“Para que as pessoas recebam as informações, elas precisam se cadastrar. Nas operadoras Vivo, Tim e Oi, as pessoas precisam mandar para o número 4000 a palavra DCRJ. Os usuários da operadora Claro usarão o número 889. Para a Nextel nós vamos esperar para conhecer o novo número”, completou.

Tags: chuvas, Civil, DEFESA, ministpério, público, Rio

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.