Jornal do Brasil

Sábado, 25 de Outubro de 2014

Rio

Maior traficante do Rio queria fazer plástica e fugir para a Bolívia 

Eduardo Herculano da Silva, o Avião, foi preso na comunidade Nova Holanda

Portal Terra

A polícia civil do Rio de Janeiro revelou que o traficante Eduardo Herculano da Silva, o Avião, pretendia fazer cirurgia plástica para se disfarçar e fugir para a Bolívia. De acordo com novas informações reveladas pela polícia nesta sexta-feira, o traficante foi preso na noite de quarta-feira em uma operação na comunidade Nova Holanda, pertencente ao Complexo da Maré.

Segundo o delegado da 21ª delegacia de Bonsucesso, Delmir Gouveia, Avião distribuía para comunidades no Rio, Baixada Fluminense e Região Metropolitana. Ele foi preso ao negociar drogas com traficantes remanescentes do Complexo da Maré, atualmente sob controle por Forças Armadas. 

Avião é considerado pela polícia fluminense como o principal distribuidor de drogas na região, ele trazia 200 quilos de cocaína por mês do Paraguai e da Bolívia. Herculano da Silva é membro de uma das maiores facções criminosas do Rio e estava sendo procurado desde 2008, após fugir da cadeira durante o cumprimento de uma sentença por tráfico de drogas em regime semiaberto.

Eduardo Herculano da Silva possui seis mandados de prisão.

Tags: avião, drogas, fuga, prisão, tráfico

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.