Jornal do Brasil

Quinta-feira, 18 de Dezembro de 2014

Rio

Ouvidoria vai receber denúncias sobre UPPs

Agência Brasil

O governo do Rio inaugurou hoje (1º) a ouvidoria exclusiva das unidades de Polícia Pacificadora (UPPs), que funcionará na Coordenadoria de Polícia Pacificadora (CPP), no Complexo do Alemão. A van do serviço itinerante foi apresentada durante a festa do trabalhador na Vila Kennedy, em Bangu, na zona oeste, comunidade ocupada no início de março pelas forças de segurança e que deve receber uma UPP ainda este mês.

A ouvidora-geral das UPPs, primeiro-tenente Tatiana Lima, explicou o projeto itinerante vai ficar uma semana em cada comunidade pacificada. “A Secretaria de Segurança do Estado já tem uma ouvidoria, que escuta tanto as comunicações da Polícia Civil como da Polícia Militar. A novidade é que nós vamos tratar casos somente de UPPs e é itinerante. Às vezes, a pessoa não tem telefone em casa nem internet, então ela pode esperar a ouvidoria itinerante ir até a comunidade dela ou ir pessoalmente até a sede no Alemão”.

O governador do Rio de Janeiro, Luiz Fernando Pezão, disse que esse é um canal de aproximação da polícia com as comunidades, que já colaboram por meio do Disque Denúncia. “A gente quer acertar cada vez mais, estar cada vez mais próximo desse morador que ficou 30, 40 anos abandonado. E nada melhor do que colocar uma ouvidoria, pessoas capacitadas, nessa nova ferramenta que a gente disponibiliza ao cidadão”.

De acordo com ele, se houver demanda, podem ser disponibilizados mais carros para o serviço itinerante, batizado de Ouvidoria Paz com Voz, inspirado na música A Alma, do grupo O Rappa, que diz “paz sem voz não é paz, é medo”.

Os 21 policiais militares que vão atuar no serviço foram treinados pela Associação Brasileira de Ouvidores e foram escolhidos de acordo com o perfil, como proximidade com ações sociais e formação superior em áreas como direito e serviço social.

A primeira das 37 comunidade a receber a van adaptada, na próxima semana, será a Cidade de Deus. Na semana seguinte o serviço ficará na Mangueira. A agenda está disponível no site www.ouvidoriaupp.com.br. As demandas também podem ser encaminhadas pelo e-mail ouvidoriaupp@pmerj.rj.gov.br e pelo telefone (21) 2334-7599. Em todos os canais, é garantido o sigilo e o anonimato das denúncias.

Tags: acusações, ferramentas, pacificadora, polícia, unidades

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.