Jornal do Brasil

Quinta-feira, 23 de Outubro de 2014

Rio

Protesto e confronto em Copacabana, após enterro do dançarino DG

Jornal do Brasil

O clima de tensão permaneceu após o enterro do dançarino Douglas Rafael da Silva Pereira, no Cemitério São João Batista, em Botafogo, zona Sul do Rio de Janeiro. Um grupo de manifestantes, entre eles amigos e parentes da vítima, seguiu em caminhada pelas ruas da região. O protesto foi em direção à Rua Sá Ferreira, em Copacabana, nas proximidades da comunidade Pavão-Pavãozinho. Por volta das 16h30, os manifestantes chegaram na Avenida Nossa Senhora de Copacabana e bombas de gás foram ouvidas e houve uma correria. O trânsito foi interrompido na via.

Grupo Black Bloc convoca internautas para manifestação contra morte de DG
Grupo Black Bloc convoca internautas para manifestação contra morte de DG

Pela sua página no Twitter, o grupo Black Bloc convocou os internautas para participar da caminhada e afirmavam que "agora é a vez da Av. Nossa Senhora de Copacabana sentir essa revolta de anos e anos..".  Segundo a Polícia Militar, um grupo de manifestantes começou um tumulto e entrou em conflito com os PMs que acompanhavam a caminhada. Os PMs teriam lançado as bombas de gás para dispersar o grupo. 

Comerciantes fecharam as portas na Avenida Nossa Senhora de Copacabana e na Rua Barata Ribeiro, duas principais vias do bairro. Ás 17h a situação era mais tranquila e o trânsito liberado nas duas vias. 

Tags: douglas, protesto, Sul, tensão, Zona

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.