Jornal do Brasil

Domingo, 21 de Setembro de 2014

Rio

PM do Rio forma turma para atuar em Unidades de Polícia Pacificadora

Agência Brasil

A Polícia Militar do Rio de Janeiro (PMRJ) formou hoje (14) 453 homens e 40 mulheres devem ser lotados nas 38 Unidades de Polícia Pacificadora (UPPs) do estado. No período do treinamento, os novos soldados participaram de aulas práticas e teóricas de tiro, abordagem, sobrevivência, polícia comunitária e direitos humanos. A solenidade foi no Centro de Formação e Aperfeiçoamento de Praças, na zona oeste da cidade.

Ao falar à tropa, o secretário de Segurança Pública, José Mariano Beltrame, ressaltou que o plano de formação periódica de policiais é ideal para o sucesso do plano que prevê a instalação de 40 UPPs até o fim do ano. "Temos formações regulares de 30 ou 60 dias", informou o secretário, lembrando que os novos soldados "abdicaram do convívio com a família" concluir a preparação.

"Os senhores saem daqui preparados, e a sociedade carioca fica feliz ao ver essa farda na rua", destacou Beltrame. Ele procurou passar uma mensagem de incentivo à turma, após a morte do subcomandante da UPP da Vila Cruzeiro, tenente Leidson Acácio Alves, na madrugada desta sexta-feira, durante confronto com criminosos. 

Leidson foi baleado na testa por criminosos que tinham atirado momentos antes na  base da UPP.Para o comandante-geral da Polícia Militar, coronel Luís Castro Menezes, o trabalho de um PM é um dos mais difíceis que existem.

"A nossa profissão é muito difícil, talvez a mais difícil que possa existir", disse.

Tags: mortes, pacificadora, polícia, Rio, unidades

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.