Jornal do Brasil

Domingo, 21 de Dezembro de 2014

Rio

Problema no metrô do Rio só foi resolvido no início da tarde

Jornal do Brasil

A falha que provocou a interrupção do metrô do Rio, na manhã desta quinta-feira, só foi resolvida no início da tarde. O defeito na subestação de energia da Central do Brasil começou pouco antes das 7h, afetando duas vezes o sistema de trens. No primeiro,  foi preciso fazer um corte de energia nas estações Carioca e Estácio, interrompendo a circulação de trens por três minutos.

Mais tarde, às 9h40, a circulação de trens foi suspensa pela segunda vez, devido a um problema na subestação de energia da Central do Brasil. A situação foi parcialmente normalizada às 10h04, mas o metrô continuou com intervalos irregulares e a Estação Cidade Nova ficou fechada ao púbico.

De acordo com a concessionária, o primeiro problema já havia sido resolvido às 8h05, mas, nesse horário, o tráfego ainda não estava normalizado.

Em nota, a concessionária disse que o problema, detectado às 6h48, foi devido a uma falha na subestação de energia da Estação Central. A MetrôRio informou que houve um corte de energia de três minutos, às 7h37, "para diagnóstico da situação", e que decidiu-se iniciar a manutenção da subestação "ao final do horário de pico, para menor impacto no fluxo de passageiros, uma vez que não havia risco na operação". A nota diz ainda que, às 9h40, a energia foi desligada nesse trecho para o trabalho de manutenção. De acordo com a concessionária, o corte durou 20 minutos.

Tags: central, energia, Estação, falhas, Transportes

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.