Jornal do Brasil

Sábado, 25 de Outubro de 2014

Rio

Comlurb retira 21 toneladas de lixo na área do Sambódromo

Jornal do Brasil

Na primeira noite de desfile do Carnaval 2014, sexta-feira (28/02), das Escolas de Samba da Série A, na Avenida Marquês de Sapucaí, a Comlurb recolheu 21 toneladas de resíduos da área do Sambódromo.

Ao longo do dia deste sábado (01/03), os garis estão preparando a passarela para o segundo dia de desfile da Séria A, que acontece à noite. Os trabalhadores contam com o apoio de 60 máquinas e equipamentos.

A sexta-feira foi animada com 17 blocos saindo só no Centro e Zona Sul. O bloco que gerou maior número de resíduos foi o Carmelitas, em Santa Teresa, com 10,3 toneladas. 

A Comlurb preparou um grande esquema de trabalho que envolve 1875 trabalhadores, por dia, em toda a cidade. Desse total, 1080 garis farão, diariamente, a limpeza após a passagem dos blocos, e até 600 garis, atuando em três turnos e outros profissionais serão responsáveis por fazer a limpeza diurna e noturna do Sambódromo, incluindo os setores par e ímpar, arquibancadas e pistas, concentração, dispersão, postos de saúde, Passarela do Samba e Terreirão do Samba.

O Programa Lixo Zero, que atuou nas ruas do entorno, concentração e dispersão, registrou 130 multas para quem jogou lixo no chão e 11 para cidadãos que urinaram na rua.

Tags: . lixo, Blocos, desfiles, Rio, ruas

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.