Jornal do Brasil

Terça-feira, 25 de Novembro de 2014

Rio

Vice-presidente do Salgueiro é atingido por três tiros, mas passa bem

Polícia não descarta a possibilidade de atentado

Jornal do Brasil

O vice-presidente da Acadêmicos do Salgueiro, Marcello da Cunha Freire, conhecido como Marcello Tijolo, de 47 anos, foi atingido por três tiros, na noite de terça-feira, e foi operado no Hospital Souza Aguiar. Segundo os médicos, Tijolo passa bem.  

O sambista foi baleado em Vila Isabel, quando saía do escritório do deputado e presidente da Estação Primeira de Mangueira, Chiquinho da Mangueira. Ele é assessor do parlamentar.  Segundo a Polícia Civil, o caso foi registrado como tentativa de homicídio na 20ª DP (Vila Isabel).

A polícia não descarta a possibilidade de atentado e vai buscar informações de testemunhas e imagens de câmeras de segurança de prédios da região para tentar esclarecer o caso.

Além de vice-presidente da Acadêmicos do Salgueiro e assessor parlamentar de Chiquinho da Mangueira, Marcello Tijolo também foi presidente da torcida organizada Raça Rubro-Negra.

Depois de baleado, Tijolo conseguiu andar alguns metros até a esquina com o Boulevard Vinte e Oito de Setembro, e caiu no chão. Ele foi socorrido em uma ambulância do Corpo de Bombeiros e levado para o Hospital Souza Aguiar, no Centro do Rio. Os suspeitos estariam num carro prata, segundo informações de funcionários de um bar na Rua Visconde de Abaeté.

Tags: Atentado, disparos, smabista, tijolo, vila isabel

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.